Entidades promovem ação de enfrentamento ao racismo durante a micareta 2015 de Feira de Santana

Atividade de enfrentamento ao racismo ocorre pela primeira vez em Feira de Santana.
Atividade de enfrentamento ao racismo ocorre pela primeira vez em Feira de Santana.
Atividade de enfrentamento ao racismo ocorre pela primeira vez em Feira de Santana.
Atividade de enfrentamento ao racismo ocorre pela primeira vez em Feira de Santana.

Com abertura oficial na próxima quinta-feira (23/04/2015), a Micareta de Feira de Santana, a 108 km de Salvador, terá ações de enfrentamento ao racismo e de combate à intolerância religiosa. A iniciativa está associada à campanha “Cultura Negra Viva”, que tem como objetivo valorizar a presença e as contribuições da comunidade negra para a festa popular, além de disseminar o respeito à diversidade de identidades entre os foliões.

A intenção é ampliar a experiência desenvolvida no Carnaval de Salvador, quando o Governo do Estado e diversos órgãos parceiros ofereceram serviços voltados à prevenção e combate às situações de violação de direitos e à discriminação racial. Em Feira, um posto montado no Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães, no circuito Maneca Ferreira, funcionará todos os dias da folia, oferecendo informações e recebendo denúncias de casos de racismo, sob coordenação da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e da Rede de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa.

Durante os quatro dias de Micareta o público flutuante no município pode chegar a mais de 1 milhão de pessoas, de acordo com a estimativa da Polícia Militar. Os turistas e feirenses contarão, neste serviço, com a equipe multidisciplinar do Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, que funciona na capital e oferecerá orientações e acompanhamento dos casos por meio de apoio social e jurídico. As denúncias também podem ser direcionadas ao Ligue 162 (Ouvidoria Geral do Estado – OGE) e ao Ligue 156 (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social – Sedeso), serviços de ligação gratuita.

Parcerias

As ações em Feira de Santana contam com a parcerias de instâncias locais, a exemplo do Conselho Municipal das Comunidades Negras e Indígenas (COMDECNI); Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso), através do Departamento de Promoção da Igualdade de Gênero, Igualdade Racial e de Juventude e do Centro de Referência Maria Quitéria; além de Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), por meio da Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis (PROPAAE).

Agenda

O quê: Ação de enfrentamento ao racismo na Micareta de Feira de Santana.

Quando: De 23 a 26 de abril de 2015.

Onde: Posto de Atendimento instalado no Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães (ao lado do Terminal Rodoviário).

Quinta (23), das 16 às 22hs // Sexta (24), sábado (25) e domingo (26), das 14h às 22hs.

Telefone de atendimento: 162 (Ouvidoria Geral do Estado – OGE) e Ligue 156 (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social – Sedeso).

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114865 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.