Em Fortaleza, presidenta Dilma Rousseff inaugura Castelão, primeira arena concluída para a Copa do Mundo de 2014

Presidenta Dilma Rousseff durante Apresentação da Arena Castelão.
Presidenta Dilma Rousseff durante Apresentação da Arena Castelão.
Presidenta Dilma Rousseff durante Apresentação da Arena Castelão.
Presidenta Dilma Rousseff durante Apresentação da Arena Castelão.

A presidenta Dilma Rousseff inaugurou ontem (16/12/2012), em Fortaleza, a primeira arena concluída para a Copa das Confederações de 2013 e a Copa do Mundo de 2014, o Estádio Plácido Aderaldo Castelo, o Castelão. A presidenta chegou na madrugada de ontem (16) na capital cearense vindo de Moscou, onde estava em missão oficial e se encontrou com o presidente russo Vladimir Putin e o primeiro-ministro Dmitri Medvedev.

A reforma do Castelão incluiu obras de modernização e ampliação para se adequar às exigências da Fifa. A cerimônia ainda terá o governador do Ceará, Cid Gomes, e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo. O cantor Raimundo Fagner fará um show para as cerca de 20 mil pessoas esperadas para a festa. De acordo com o governo cearense, a entrada é gratuita e serão oferecidos ônibus extras para transportar a população ao estádio.

As obras de reforma e ampliação do Castelão custaram, segundo o governo cearense, R$ 518,6 milhões. A moderna arena terá capacidade para 64 mil torcedores e estacionamento coberto para 1,9 mil veículos. No dia 27 de janeiro, o estádio receberá duas partidas inaugurais: o Ceará joga contra o Bahia e o Fortaleza enfrenta o Sport pela Copa do Nordeste. Em junho, será palco de jogos da Copa das Confederações e receberá seleções do Brasil, da Espanha e do México.

Os governos federal, estadual e municipal têm obrigações repartidas de acordo com o caderno de responsabilidades da Copa do Mundo. Enquanto ao município cabem as obras de mobilidade para acesso ao estádio, o governo estadual é responsável pelas obras do Castelão e do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT). O governo federal fica com as ampliações do Porto de Mucuripe e do Aeroporto Pinto Martins.

Antes da inauguração do Castelão, às 16h10 (horário de Brasília), a presidenta Dilma visita o Hospital da Mulher de Fortaleza acompanhada da prefeita Luiziane Lins e do ministro da Saúde, Alexandre Padilha. A prefeitura da cidade receberá do governo federal R$ 2,1 milhões mensais pra a manutenção do hospital, inaugurado oficialmente em agosto e um dos maiores centros especializados no atendimento à mulher.

Essa é a primeira vez que Dilma volta a Fortaleza desde antes da disputa eleitoral municipal, que colocou em lados opostos dois aliados de seu governo: o governador Cid Gomes (PSB) e a prefeita Luiziane Lins (PT), que apoiaram candidatos diferentes à prefeitura da cidade.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109750 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]