Ministério Público aponta que ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) teria recebido mais de R$ 10 milhões em doações não declaradas da Odebrecht para campanhas eleitorais em 2010 e 2014. Tucano vem negando as acusações. Irregularidades foram apontadas em campanhas de 2010 e 2014 ao governo estadual.
Caso Lava Jato

Geraldo Alckmin é denunciado por corrupção e lavagem de dinheiro; Ex-governador de São Paulo teria recebido mais de R$ 10 milhões da Odebrecht

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) foi denunciado nesta quinta-feira (23/07/2020) pelo Ministério Público de São Paulo por falsidade ideológica eleitoral (caixa dois), corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele teria recebido milhões de reais em doações da Odebrecht não contabilizadas na prestação de contas de duas campanhas eleitorais.