Páginas 1 e 2 da ação Judicial da DFP contra o Município de Feira de Santana, no âmbito do Centro Comercial Popular. Ação requer que as obras sejam suspensas imediatamente e que requisitos legais e constitucionais de efetiva participação e controle social no processo sejam observados. Documento é peça de ficção jurídica produzido para anteder questionáveis interesses políticos. 
Manchete

Defensoria ajuíza ação em caso da requalificação do Centro de Abastecimento de Feira de Santana; Órgão produz peça de ficção para atender interesses políticos questionáveis

A Defensoria Pública do Estado da Bahia – DFP/BA em Feira de Santana ajuizou Ação Cautelar preparatória de Ação Civil Pública em amparo aos camelôs e ambulantes da cidade. O caso envolve a construção de empreendimento em parte da área que compreende o tradicional Centro de Abastecimento da cidade.