Em processo que tem como requerente a empresa corrupta Grupo Bom Jesus Agropecuária, através da interferência política do senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), a conselheira do CNJ Maria Tereza Uille Gomes notifica TJBA a atender interesses de grileiros da antiga fazenda São José, situada em Formosa do Rio Preto, oeste da Bahia.
Manchete

Capítulo XXV do Caso Faroeste: Usando o CNJ, senador do Rio Grande do Sul interfere em ação judicial sobre as terras da antiga Fazenda São José, no Oeste da Bahia; Processo tramita no TJBA e está sub judice há quatro décadas

No Capítulo XXIV do Caso Faroeste foi relatado o resultado final da Audiência de Justificação, ocorrida em 5 de abril de 2017, na qual foi proferida sentença pelo juiz Sérgio Humberto Quadros Sampaio determinado a

Requerimento de José Valter Dias ao TJBA, suplicando que o Poder Judiciário determinasse que os grileiros lhes entregassem a posse que mantinham sobre as terras da antiga Fazenda São José.
Manchete

Capítulo XX do Caso Faroeste: Portaria da desembargadora Vilma Costa Veiga reconheceu Direito de Propriedade de José Valter; Vitória não garantiu posse sobre as terras da antiga Fazenda São José e empresário foi vítima de nova violência

O relato sobre o conflito fundiário em julgamento pelo Poder Judiciário Estadual da Bahia (PJBA) sobre os direitos de propriedade da antiga Fazenda São José, imóvel rural com cerca de 360 mil hectares, situado em

Em 18 de julho de 1985, José Valter ingressou com pedidos judiciais de proteção da posse legítima, realização de perícia, vistoria na área e oitiva de testemunhas no processo movido contra os Okamoto e outros, sobre direito de propriedade e posse das terras da antiga Fazenda São José em Formosa do Rio Preto.
Manchete

Capítulo X do Caso Faroeste: O poder econômico e político dos Okamoto, o descumprimento da ordem judicial por parte da PMBA e o subsequente silêncio do Poder Judiciário na usurpação de direitos sob as terras do Oeste da Bahia

O Caso Faroeste é sobre uma história real, envolvendo pessoas reais em obscuras relações de Poder,  cuja narrativa é apresentada por fontes e confirmada pelos documentos contidos em milhares de páginas de processos que tramitam