Feira de Santana sedia XII Encontro Estadual do Empreender

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
XII Encontro Estadual do Empreender é uma iniciativa da Federação das Associações Comerciais e Empresariais da Bahia (Faceb) em parceria com o Sebrae e reuniu cerca de 500 pessoas em Feira de Santana.
XII Encontro Estadual do Empreender é uma iniciativa da Federação das Associações Comerciais e Empresariais da Bahia (Faceb) em parceria com o Sebrae e reuniu cerca de 500 pessoas em Feira de Santana.

Foi tentando conter as lágrimas que Luciana da Silva, conhecida em Seabra como Tia Lu, contou para uma plateia de centenas de pessoas como deixou de ser uma vendedora de pudim e dona de brinquedos de praça e se tornou uma empresária nos dois ramos. Ela é um dos cerca de 500 micros e pequenos empreendedores que participaram do XII Encontro Estadual do Empreender, realizado nesta segunda-feira (13/06/2022) no auditório do Serviço Social da Indústria (Sesi) de Feira de Santana. Com o tema ‘Novas Competências Aumentam a Competitividade’, o evento reuniu caravanas de diversos municípios da Bahia.

A história começou quando Luciana viu uma publicação feita por Ester Sena, consultora do projeto Empreender em Seabra, nas redes sociais. Ao perguntar sobre como funcionava o programa, concluiu que não poderia continuar, afinal de contas entendia que não era nem empreendedora, nem empresária. “Ester olhou nos meus olhos e disse que eu já era empreendedora e empresária e só precisava me conscientizar disso. Abri o meu MEI (cadastro do Micro Empreendedor Individual) no Sebrae e conquistei coisas que não tinha. Eu não fazia noção do que era o Empreender e a diferença que poderia fazer na vida de um ser humano. O Empreender não mudou somente a minha empresa; mudou a minha pessoa, porque hoje sei onde quero chegar”, completou perdendo a batalha para a emoção, que tomou conta de toda a plateia.

O dia foi repleto de conhecimento. “Futuros do Turismo e Desenvolvimento Regional” foi um dos temas trabalhados durante a programação que também contou com a apresentação de cases de sucesso, a exemplo da Rede Erguer e da Rede Quero Bahia. A empreendedora e diretora da Rede Corujão, Daniela Lacerda, também participou contando sua experiência de sucesso. “Fiz do empreendedorismo uma meta de vida. É importante empreender com propósito, pois hoje o consumidor não compra só o produto, mas também a história das pessoas por trás dele. Por isso é importante estudar, investir no capital humano e não estagnar”, pontuou a empresária da rede varejista que possui mais de 500 colaboradores.

A programação foi encerrada com apresentação do palestrante Jardel Beck, que com muito humor, mágica e interação, falou sobre a importância do trabalho em equipe.

O evento também expôs o trabalho de diversas Associações Comerciais do estado, como Jacobina, Vitória da Conquista, Macaúbas, Jequié, Casa Nova, Santo Antônio de Jesus, dentre outros.

“Estamos muito felizes com o resultado do evento. Ano que vem teremos mais uma edição em nossa cidade, e certamente ainda maior já que o programa não para de crescer”, finalizou Herriette Cedraz, coordenadora de projetos da Faceb.

Afinal, o que é o Empreender?

Promovido pela Federação das Associações Comerciais e Empresariais da Bahia (Faceb), o Empreender é um projeto que existe há 21 anos e reúne uma série de ações a favor do desenvolvimento e fortalecimento das micro e pequenas empresas, através do associativismo.

Carlos Rezende, coordenador executivo da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB) e coordenador nacional do Empreender, explica que empresas de um mesmo seguimento como panificação, auto mecânica, indústria da confecção, supermercados, dentre outros, se reúnem em grupos, normalmente de 10, 12 empresários, e mantém reuniões mensais com consultores do Empreender, para discutir problemas e soluções dos seus negócios.

“O Empreender tem vários eixos de atuação. Agora, por exemplo, estamos com edital aberto com aporte de cerca de R$ 10 milhões para apoio a grupos de empresas vinculadas a entidades empresariais. Através do Empreender, os micro e pequenos empreendedores conseguem apoio para uma consultoria, capacitação, rodada de negócios e outras ações. O objetivo maior do projeto é contribuir para o desenvolvimento socioeconômico, principalmente na geração de emprego, ocupação e renda”, arremata.

O presidente da Faceb, Cloves Cedraz, ressaltou que o encontro do Empreender deve fortalecer o comprometimento do empresariado com as associações comerciais. Durante o evento, Cedraz deu posse a nova diretoria da Faceb, e reassumiu a presidência assegurando que se sente “muito oxigenado e estimulado” com a função, pelas forças que participam da diretoria e das associações comerciais que o motivam muito.  “Nunca me senti tão novo e com tanta disposição”, frisou.

A importância do Empreender e do Encontro Estadual

Orgulho por receber o Empreender em Feira de Santana. Esse é o sentimento descrito pelo presidente da Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana (Acefs), Genildo Melo, dada a importância do evento para o município e região. “Encontros como esse trazem grandes novidades e é um momento relevante para uma reflexão sobre aonde estamos indo com as nossas empresas. Apoiamos, porque sabemos que do Empreender, grandes novidades e negócios surgirão”, prospectou.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Feira de Santana (CDL), Luís Mercês, ressalta que o Empreender transformou muitas empresas em realidade e fará com que Feira, que é um núcleo do projeto, possa crescer ainda mais, se organizar, se desenvolver e, principalmente, empregar. “Isso é o que mais esperamos, a empregabilidade. Colocar o empresário para empregar. Só assim resolveremos o problema do país”, acredita.

José Cabral, diretor administrativo do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em Feira de Santana, acrescentou que a instituição considera de extrema importância a parceria com o Empreender, pelo trabalho desenvolvido a favor do micro e pequeno empreendedor e que é uma honra para Feira de Santana recepcionar as caravanas dos locais onde o projeto acontece.

O papel do consultor

Tatiane Amaral, consultora do Empreender em Feira de Santana, é mais uma pessoa apaixonada pelo projeto. Ela relata, orgulhosa, que atua dentro de uma metodologia e organiza as demandas dos núcleos setoriais. Em Feira de Santana, por exemplo, há hoje seis núcleos setoriais, que são grupos de empresários ou potenciais empresários, que se reúnem a cada 15 dias com o consultor, durante uma hora, para discutir os seus problemas em comum e as soluções. “Eles dizem para o consultor o que precisam e o consultor organiza essas demandas, principalmente para que o faturamento deles seja melhor, para que o desenvolvimento empresarial venha através das mídias sociais e de gestão”.

Mais negócios transformados

Dona de loja de cosméticos em Amargosa, Lucy Brito participou do Encontro Estadual do Empreender expondo seus produtos. Segundo ela, o projeto foi um “divisor de águas” em Amargosa, que não tinha expressão comercial neste ramo e agora o cenário é outro. “A relação com o Empreender deu essa visão de tecnologia, inovação e oferta de mercado. A gente trabalha muito isso no projeto e amplia muito a visão de mercado. Eles orientam desde como abrir a empresa, capital de giro, marketing, como divulgar meu produto e atingir o público que eu desejo. A gente tem esse apoio e faz toda a diferença”, relata.

Do mesmo modo pensa o Augustinho Borges, que define o Empreender como o braço direito dos floristas da Olímpio Vital em Feira de Santana. “A cada dia está nos renovando. O Empreender para a gente, como florista, é tudo”, resume.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123143 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.