Prefeito Colbert Martins Filho sanciona LDO de Feira de Santana com 30 vetos; Orçamento 2022 prevê receita de R$ 1,6 bilhão

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Orçamento 2022 de Feira de Santana é sancionado com vetos pelo prefeito Colbert Martins Filho (MDB). A Prefeitura contará com orçamento de R$ 1.653.172.890 para ser aplicado no exercício financeiro deste ano.
Orçamento 2022 de Feira de Santana é sancionado com vetos pelo prefeito Colbert Martins Filho (MDB). A Prefeitura contará com orçamento de R$ 1.653.172.890 para ser aplicado no exercício financeiro deste ano.

O prefeito Colbert Filho sancionou nesta segunda-feira (21/03/2022), a Lei Orçamentária Anual de Feira de Santana (LOA) que estima a receita e prevê a despesa para o exercício de 2022. Desta forma, o chefe do Executivo Municipal está cumprindo em onze dos 15 dias que estabelece o prazo legal para sancionar o documento, conforme a Lei Orgânica.

A publicação consta em edição extra do Diário Oficial Eletrônico nesta segunda-feira (21). O Município tem previsão orçamentaria de R$ 1.653.172.890 para ser aplicado no exercício financeiro deste ano.

Para a Saúde será destinado R$ 486.669.448 dos recursos; Educação R$ 402.965.645; Administração R$268.625.060 e Serviços Públicos R$ 119.787.971.

Já o orçamento para a pasta da Fazenda é de R$ 87.129.132; Gabinete do Prefeito com R$ 75.528.232; Desenvolvimento Social R$ 43.182.544; Transporte e Trânsito R$ 27.270.500; Planejamento R$ 23.735.765 e a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer R$ 19.851.800.

A Comunicação Social tem como orçamento R$ 12.145.000; Desenvolvimento Urbano R$ 11.814.530 e a Secretaria do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico R$ 7.455.750. O orçamento da Câmara Municipal é de R$ 35.277.404.

Vetos

O prefeito Colbert Martins Filho vetou 30 das 33 emendas apresentadas por vereadores para o exercício de 2022. Várias das emendas aprovadas pelos edis não possuem fundamentação técnica e estão em franca violação aos princípios da administração de pública, a exemplo do que ocorre no setor de comunicação pública.

Baixe

Lei Orçamentária Anual de 2022 (LOA) de Feira de Santana

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 10031 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).