Eleições 2022: Senador Jaques Wagner avisa a Lula que não quer ser candidato ao governo da Bahia; Candidatura de Otto Alencar surge como alternativa; Oposição mostra favoritismo em pesquisa

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Senadores Jaques Wagner (PT), Otto Alencar (PSD), Angelo Coronel (PSD), ao lado do governador Rui Costa (PT).
Senadores Jaques Wagner (PT), Otto Alencar (PSD), Angelo Coronel (PSD), ao lado do governador Rui Costa (PT).

Reportagem de José Pedro Pitombo, publicada nesta quinta-feira (24/02/2022) no Jornal Folha de S.Paulo, revela que o senador Jaques Wagner (PT) indicou a aliados e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que não deseja ser candidato nas eleições de outubro ao Governo da Bahia, estado com 10,8 milhões de eleitores e quarto maior colégio eleitoral do país.

Com o recuo, aliados tentam construir uma nova alternativa para concorrer ao governo e liderar grupo político que comanda o estado há 15 anos. A sucessão na Bahia promete uma disputa acirrada entre o grupo governista e o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União Brasil), pré-candidato da oposição.

Segundo a reportagem, o favorito para assumir a candidatura ao Governo da Bahia é o senador Otto Alencar (PSD), ex-adversário que se tornou aliado do PT em 2010 e é visto dentro do grupo como um nome confiável.

Diante do impasse, surgiu na mesa de negociações uma terceira alternativa: a escolha de um novo nome do PT para concorrer ao governo no lugar de Jaques Wagner e a manutenção de Otto como candidato ao Senado.

A decisão de Jaques Wagner de não concorrer ao Governo da Bahia é de caráter pessoal. Aos 70 anos, o ex-ministro se sente confortável com o mandato no Senado, que se encerra apenas em 2027, e não deseja voltar ao centro da disputa eleitoral da Bahia, afirma a reportagem da Folha de S.Paulo.

Pesquisa aponta favoritismo da oposição

O ex-prefeito de Salvador ACM Neto (União Brasil) lidera em todos os cenários a disputa para governador da Bahia em 2022, revela pesquisa Real Time Big Data encomendada pela Record TV e divulgada nesta quarta-feira (23/02/2022).

No levantamento espontâneo, em que não é apresentada uma lista de candidatos, ele tem 25% das intenções de voto, contra 12% do segundo colocado, o ex-governador Jaques Wagner (PT); 7% do terceiro colocado, Rui Costa (PT), que não pode concorrer novamente à reeleição; e 2% do quarto colocado, João Roma (Republicanos), atual ministro da Cidadania. Outros nomes somam juntos 3% dos votos. Brancos e nulos totalizam 13%. O percentual de entrevistados que não sabe ou não respondeu é de 38%.

Na pesquisa estimulada, quando é apresentada uma lista de candidatos ao eleitor, a liderança de ACM Neto é ainda maior. No primeiro cenário, ele tem 45% das intenções de voto; enquanto Jaques Wagner tem 30%; João Roma, 9%; e Bernadete Souza (Psol), 5%. Brancos e nulos somam 7% das intenções e 4% não sabem ou não responderam.

No segundo cenário estimulado, que leva em conta os apoios na esfera federal, ACM Neto, tido como independente, tem 40% das intenções de voto. Jaques Wagner, que teria o apoio do pré-candidato e ex-presidente Lula (PT), 34%. João Roma, com o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL), teria 12%. Bernadete Souza, com o apoio de Guilherme Boulos (Psol), 2%. Brancos e nulos representam 9% dos entrevistados. Cerca de 3% não souberam ou não responderam.

Em um terceiro cenário, sem a presença de Jaques Wagner, ACM Neto lidera com ainda mais folga: 48%. O senador Otto Alencar (PSD) aparece com 17% das intenções de voto; João Roma com 10%; e Bernadete Souza, com 7%. Quase 10% dos votos seriam brancos ou nulos. Um total de 8% dos entrevistados não soube ou não respondeu.

*Com informações do Jornal Folha de S.Paulo e do site R7.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121975 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.