Governo Putin construiu ‘fortaleza financeira’ contra novas sanções do Ocidente sobre a Rússia, diz Bloomberg

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Governo Putin está reduzindo cada vez mais a dependência do dólar americano.
Governo Putin está reduzindo cada vez mais a dependência do dólar americano.

Nos últimos anos, a Rússia conseguiu construir “uma fortaleza financeira” que permitirá ao país sobreviver a novas sanções ocidentais sem grandes perdas, escreve a agência Bloomberg.

“As medidas [contra a Rússia] que estão em discussão pelos EUA e seus aliados poderiam atingir a moeda, fomentar a inflação e forçar os investidores a sair, mas não serão suficientes para provocar a mesma agitação” que em 2014, afirma Anna Andrianova, autora de um artigo publicado hoje, sexta-feira (04/02/2022), na mídia.

Conforme indica a autora na matéria, o Kremlin conseguiu aumentar suas reservas, reduzir a dívida pública para um dos mais baixos níveis entre as economias mundiais, bem como alcançar um superávit no orçamento.

Além disso, o Governo Putin está reduzindo cada vez mais a dependência do dólar americano, transferindo todas as reservas financeiras e transações do comércio exterior para outras moedas, como o euro e o yuan, por exemplo.

“A Rússia está muito melhor preparada para as sanções do que estava em 2014, pelo menos nos indicadores macroeconômicos”, disse à agência Natalia Lavrova, economista principal no BCS Financial Group em Moscou.

Segundo ela, apenas os mais extremos cenários de sanções podem parar o crescimento da economia do país.

Nos últimos meses, as mídias ocidentais têm escrito repetidamente sobre a alegada preparação de uma “invasão” na Ucrânia pela Rússia. O Kremlin e a chancelaria russa negam tais alegações, dizendo que são completamente “infundadas”.

Conforme apontou o porta-voz presidencial, Dmitry Peskov, as Forças Armadas russas estão se deslocando dentro das fronteiras do país e isso não ameaça, nem deve preocupar, ninguém. Moscou ressalta que essas denúncias sobre uma suposta “agressão russa” são utilizadas como um pretexto para aumentar o contingente da OTAN nas regiões fronteiriças.

*Com informações da Sputnik Brasil.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121857 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.