Pesquisa da Universidade Estadual de Feira de Santana identifica relação entre obesidade e deficiência de testosterona em homens

Estudos mostram que homens obesos têm cinco vezes mais probabilidade de apresentarem deficiência de testosterona do que os não obesos.
Estudos mostram que homens obesos têm cinco vezes mais probabilidade de apresentarem deficiência de testosterona do que os não obesos.

Uma pesquisa desenvolvida pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) identificou uma relação entre obesidade e deficiência de testosterona em homens. O estudo foi realizado pelas pesquisadoras Taciana Leonel Nunes Tiraboschi e Monique Tonani Novaes, estudantes do doutorado em Saúde Coletiva, e coordenado pelo médico urologista e professor José Bessa Junior, além de contar com a participação de alunos da pós-graduação e do curso de medicina.

O trabalho desenvolvido através do Grupo de Pesquisa em Urologia e Subgrupos (UroS) reuniu cerca de 3,5 mil pacientes que foram divididos em quatro grupos: 45 a 64 anos, 65 a 74 anos, 75 a 84 anos e acima de 85 anos. Os dados mostram que homens obesos – com circunferência abdominal acima de 102 centímetros – têm cinco vezes mais probabilidade de apresentarem deficiência de testosterona do que os não obesos.

Os estudos apontam ainda a prevalência geral de níveis baixos de testosterona de 19% semelhante em todas as faixas etárias. Nos pacientes não obesos (com circunferência abdominal menor que 94 cm) foi de 4%, enquanto naqueles com circunferência abdominal acima de 110 cm, esse índice chegou a 44%. “Historicamente atribui-se a queda da testosterona ao envelhecimento. O nosso estudo mostra que a idade dos homens com e sem testosterona foi a mesma. O que nos chamou atenção foi que a obesidade esteve fortemente associada à queda de testosterona em qualquer faixa etária. A mensagem mais importante é que todos os esforços devem ser feitos para evitar a obesidade”, explicou o professor José Bessa Junior.

A pesquisa já foi apresentada no 38º Congresso Brasileiro de Urologia, realizado em dezembro de 2021. Os desdobramentos do estudo serão divulgados em um evento internacional de urologia em Amsterdam, entre os dias 18 e 21 de março. Para saber mais sobre o Grupo de Pesquisa em Urologia e Subgrupos (UROS) é só acessar o endereço http://ppgsc.uefs.br/uros/ ou acompanhar o perfil @grupouros no Instagram.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116651 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.