Feira de Santana: Exposição ‘Pandêmicas’ fecha o calendário expositivo virtual do Museu Casa do Sertão da UEFS

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Cartaz anuncia exposição virtual 'Pandêmica'.
Cartaz anuncia exposição virtual 'Pandêmica'.

O Museu Casa do Sertão, entidade da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) realiza a exposição Pandêmica, resultado da pesquisa visual que tomou como ponto de partida o fazer arte, impregnado por um olhar poético, imerso a experiência coletiva da Pandemia do Covid-19. Desse pressuposto, Graça Ramos desenvolve e compartilha um inusitado processo artístico que espelha os desafios vivenciados por cada membro da sociedade com a drástica mudança de rotinas e que, de uma maneira geral, estabelece novíssimas percepções de mundo, ainda em construção.

O conjunto de criações transcende discussões envolvendo domínio e o aparato técnico por parte da artista, para delinear-se enquanto solitário manifesto, um olhar lançando para si e para o outro neste período, exercitando o papel de “cronista de seu tempo” que revisita fatos e expõe incômodos, trazendo uma peculiar dramaticidade pictórica para pautar criativamente, temas ligados à tragédia em curso.

A série de pinturas e poemas, inspiradas neste novo capítulo da saga humana, traz imagens em pequeno porte com técnicas mistas (acrílicas sobre tecidos e caneta sobre papel), ressaltando o tracejar de figuras desconstruídas, para ornar temas abstratos.

Pode-se considerar este, um trabalho documental de leveza poética que envolve tons, traços, atmosferas e sensações, advindas da exuberância de paletas quentes que iluminam o delimitado espaço gráfico, preenchido pela composição, testificando que o Corona também contaminou a História da Arte.

A mostra fecha o calendário expositivo virtual de 2021 do Museu Casa do Sertão, simboliza os esforços institucionais para reinventar-se e em meio à realidade de apreensões vivenciada com a pandemia, ofertando conteúdos onlines e ampliação do engajamento digital para valorização do patrimônio cultural, dando assim, continuidade ao cumprimento da missão institucional mesmo durante a suspensão das atividades presenciais de atendimento ao público. A retomada das visitações do público é esperada com uma grande expectativa para o ano de 2022.

Graça Ramos

Natural de Feira de Santana/Bahia, Graças Ramos é graduada em Artes Plásticas e Licenciada em Desenho e Plástica pela Escola de Belas Artes/UFBA. Concluiu Mestrado pela Penn State University School of Visual Arts – Pennsylvania/ USA (1980) e Doutorado em Belas Artes pela Universidade de Sevilla/Espanha (1997). É Professora Titular, aposentada do Departamento I e do Programa de pós-graduação em Artes Visuais da Universidade Federal da Bahia (PPGAV), orientando mestrandos e doutorandos da instituição e da Universidade de Valencia, onde atua como docente convidada no Mestrado e acompanha Projetos de Pesquisa e Colaborativos em Artes.

Precursora do uso técnico da luz elétrica no suporte de tela em 1996, percebeu essa possibilidade e defendeu a tese em seu doutorado na Espanha. A premiada artista integra a Academia de Letras de Artes da Bahia e Academia de Letras de Feira de Santana, em 2012 recebeu o Título de Cidadã Soteropolitana, outorgado pela Assembleia Legislativa da Cidade de Salvador.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121740 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.