“Queremos um novo Brasil, povo não aguenta mais Jair Bolsonaro”, afirma deputado Robinson Almeida; Parlamentar participou de protestos em Salvador contra o extremista de direita

Deputado Robinson Almeida participou de protestos em defesa da democracia e pelo impeachment do extremista Jair Bolsonaro.
Deputado Robinson Almeida participou de protestos em defesa da democracia e pelo impeachment do extremista Jair Bolsonaro.

Presente no ato contra o presidente Jair Bolsonaro e em defesa da democracia, neste sábado (02/10/2021), o deputado estadual Robinson Almeida (PT) afirmou que o Brasil quer voltar a sorrir e que o povo brasileiro não aguenta mais a inflação, o desemprego e a falta de compromisso do governo federal com o bem estar e a vida brasileira. O parlamentar defendeu ainda um novo projeto de desenvolvimento nacional liderado, em sua opinião, pelo ex-presidente Lula. O petista participou dos protestos em Salvador e lembrou que a população brasileira nos governos Lula viveu o pleno emprego, teve aumento real do poder de compra do salário mínimo e melhorou de vida, mas com Bolsonaro sofre os efeitos do que classifica de “desgoverno”.

“O povo não aguenta mais a cumplicidade desse presidente genocida no combate a pandemia, não aguentamos a gasolina a mais de R$ 6 e a inflação que tomou conta da vida do povo brasileiro. Ninguém aguenta mais o desemprego em alta”, ilustrou o deputado. “Queremos um novo Brasil, queremos que o povo volte a sorrir, queremos um novo projeto pra nosso país, queremos Fora Bolsonaro e Lula presidente”, bradou Robinson Almeida.

Na Bahia, os protestos foram organizados pela representação de seis partidos: PT, PSB, PCdoB, PSOL, PCO e PDT, de movimentos sociais e centrais sindicais. Além de Salvador, houve manifestações em Feira de Santana e mais 28 municípios baianos.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9974 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).