Secretaria de Governo de Bolsonaro se reuniu com organizadores dos protestos de extrema-direita que devem ocorrer no 7 de setembro de 2021

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Presidente Jair Bolsonaro tem feito convocações para que apoiadores vão aos atos de 7 de setembro de 2021. Nos dias 10 e 11 de agosto, a secretária Gabriele Araújo, da Secretaria Especial de Articulação Social, recebeu organizadores dos atos de 7 de setembro. Todos que compareceram nos encontros são alvos de investigação da Polícia Federal pela organização de atos antidemocráticos. Entre os presentes, estava Antonio Galvan, presidente da Aprosoja.
Presidente Jair Bolsonaro tem feito convocações para que apoiadores vão aos atos de 7 de setembro de 2021. Nos dias 10 e 11 de agosto, a secretária Gabriele Araújo, da Secretaria Especial de Articulação Social, recebeu organizadores dos atos de 7 de setembro. Todos que compareceram nos encontros são alvos de investigação da Polícia Federal pela organização de atos antidemocráticos. Entre os presentes, estava Antonio Galvan, presidente da Aprosoja.

Dias antes de a Polícia Federal realizar uma operação que teve como algo o cantor Sérgio Reis e o deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ), os organizadores das manifestações de 7 de setembro se reuniram no Palácio do Planalto. Eles são investigados pela promoção de atos antidemocráticos, que acontecerão em diferentes pontos do Brasil na próxima semana. A informação foi revelada pelo portal UOL.

Os encontros aconteceram na Secretaria Especial de Articulação Social, que está sob o guarda-chuva da Secretaria de Governo, comandada por Flávia Arruda. As reuniões, que aconteceram nos dias 10 e 11 de agosto, estavam na agenda oficial da secretária de Articulação Social, Gabriele Araújo.

A Procuradoria-Geral da República investiga se o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) participou do planejamento das manifestações. O próprio presidente tem feito convocações para os atos de 7 de setembro. Entre as pautas, os manifestantes pedirão o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal.

Segundo o UOL, a reunião do dia 10 de agosto aparece como um encontro com o “movimento Brasil Verde e Amarelo”, grupo de sindicatos e associações rurais. Em maio, o grupo já havia convocado uma manifestação de apoio a Jair Bolsonaro em Brasília. Na ocasião, eles pediam a volta do voto impresso. Esteve presente no encontro Antonio Galvan, presidente da Aprosoja (Associação Brasileira dos Produtores de Soja).

Ao portal, a Secretaria de Governo afirma que tem a Secretaria Especial de Articulação Social tem a obrigação de “receber todas as organizações da sociedade civil que solicitam atendimento”. Galvan também confirmou o encontro, mas não revelou o tema tratado entre as partes.

Galvan já depôs à Polícia Federal em Sinop, no Mato Grosso.

No dia seguinte, 11 de agosto, a secretária Gabriele Araújo recebeu três ativistas – todos foram alvo da PF alguns dias depois do encontro. Estavam no encontro Turíbio Torres, Juliano Martins e Marcos Antônio Pereira, conhecido como Zé Trovão.

*Com informações do Yahoo Notícias.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123323 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.