Comitiva do Governo dos EUA visita América Latina para preparar projeto de infraestruturas; Iniciativa é contramedida a expansão da influência econômica da China

Daleep Singh, adjunto do Conselheiro de Segurança Nacional e subdiretor do Conselho Econômico Nacional dos dos EUA.
Daleep Singh, adjunto do Conselheiro de Segurança Nacional e subdiretor do Conselho Econômico Nacional dos dos EUA.

Uma comitiva norte-americana está na América Latina com o intento de planejar o projeto de infraestruturas Reconstruir um Mundo Melhor, anunciado em junho pelo G7 em resposta ao Um Cinturão, Uma Rota da China.

Altos funcionários responsáveis pelo Governo dos EUA visitam a América Latina nesta semana para explorar projetos de infraestrutura que contraponham o projeto ‘Um Cinturão, Uma Rota da China’, o qual faz tais investimentos também na Eurásia e África, informou nesta segunda-feira (27/09/2021) a agência britânica Reuters.

Uma comitiva liderada por Daleep Singh, assessor de segurança nacional adjunto do presidente norte-americano Joe Biden, visitará Equador e o Panamá, estando atualmente na Colômbia, onde planeja realizar um encontro com Iván Duque, presidente do país.

O objetivo da visita é tornar realidade o projeto Reconstruir um Mundo Melhor (B3W, na sigla em inglês), anunciado em junho de 2021 pelo grupo G7, que pretende fornecer uma alternativa à construção de infraestruturas em países de renda baixa e média, começada pela China em 2013. Mais de 100 países já assinaram acordos com a China para cooperar em projetos de áreas ferroviárias, portos e rodovias.

É planejado que no início do próximo ano seja realizado um evento de lançamento formal do B3W, procurando investir os $ 40 trilhões (quase R$ 205 trilhões) necessários até 2035, não se sabendo ainda qual será o valor final. O programa está focado em áreas como clima, saúde, tecnologia digital e igualdade de gênero, disseram as autoridades.

Em 15 de setembro Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, anunciou o lançamento do Global Gateway (Portão Global), uma iniciativa que busca levantar as barreiras globais ao comércio de bens e serviços.

Em novembro de 2019 a Austrália, Japão e EUA foram os primeiros a propor um projeto de infraestruturas mundial como aparente contraponto à China, chamado Blue Dot Network (Rede Ponto Azul).

*Com informações da Agência Sputnik Brasil.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115009 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.