Prefeito Colbert Martins alerta sobre incidência da variante delta em membro da população de Feira de Santana e pede que comunidade siga protocolos sanitários e participe da campanha de imunização

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Prefeito Colbert Martins pede que população de Feira de Santana siga os protocolos sanitários e participe da campanha de imunização contra a covid-19. Governante alertou para a incidência da variante delta do SARS-CoV-2 em membro da população local.
Prefeito Colbert Martins pede que população de Feira de Santana siga os protocolos sanitários e participe da campanha de imunização contra a covid-19. Governante alertou para a incidência da variante delta do SARS-CoV-2 em membro da população local.

O prefeito Colbert Martins Filho (MDB) alertou nesta sexta-feira (27/08/2021) sobre a incidência da variante delta, de origem indiana do coronavírus tipo SARS-CoV-2, em membro da população de Feira de Santana e pediu que a comunidade mantivesse as medidas de controle sanitário da Covid-19 e aderisse à campanha de imunização. 

A médica Melissa Falcão, responsável pelo controle epidemiológico do município, relatou que a equipe de saúde acompanha com rigor os casos de infecção viral e isto resulta em diagnósticos rápidos. Ela informou, também, que medidas foram tomadas para conter o potencial de novo surto viral e que os membros do familiar infectado foram testados e apresentaram resultado negativo.

Características das variantes

ALFA (B.1.1.7)

Identificada no Reino Unido em setembro de 2020, já foi detectada em 140 países. Tem uma taxa de transmissão 30% a 50% maior do que as variantes anteriores. Estudos publicados indicam que o vírus Alfa pode causar um quadro de sintomas mais grave e aumentar o risco de morte.

BETA (B.1.351)

Foi descoberta na África do Sul em dezembro de 2020. Especialistas em saúde daquele país dizem que a cepa é 50% mais contagiosa do que a linhagem original do vírus. A mutação chegou a 93 países. Estudos não indicam a presença de sintomas mais graves nos indivíduos infectados. Pode ser mais resistente à resposta imunológica do organismo.

GAMA (P1)

Descoberta em Manaus (AM), foi anunciada no Brasil em janeiro de 2021. A cepa foi uma das responsáveis pelo colapso da saúde em Manaus e é uma das responsáveis pela maioria dos casos de Covid-19 no Brasil. Já foi detectada em 56 países. Ainda não há consenso sobre essa variante ser mais letal que as demais. Tem mutações semelhantes à variante Beta.

DELTA (B.1.617.2)

Detectada em outubro de 2020 na Índia, tem características que indicam ser a cepa mais transmissível até agora – pelo menos 40% a mais que a Alfa. Já foi encontrada em 74 países. Na Índia, os pesquisadores investigam se ela é responsável pela perda de audição e gangrena dos pacientes diagnosticados com a Covid-19. 

Quais são as variantes de interesse

  • Capa (B.1.617.1), identificada pela primeira vez na Índia
  • Eta (B.1.525), identificada em vários países
  • Iota (B.1.526), identificada pela primeira vez nos EUA
  • Teta (P.3), identificada pela primeira vez nas Filipinas
  • Épsilon (B.1.427/B.1.429), identificada pela primeira vez nos EUA
  • Zeta (P.2), identificada pela primeira vez no Brasil

Confira vídeo

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123323 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.