“O presidente da Câmara precisa pautar o impeachment de Bolsonaro”, afirma deputada Lídice da Mata em pronunciamento

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Deputada Lídice da Mata.
Deputada Lídice da Mata.

A deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) disse nesta terça-feira (24/08/2021), no plenário da Câmara que o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL) precisa pautar o afastamento de Jair Bolsonaro. De acordo com a parlamentar baiana, o chefe do Executivo não reúne condições de governar o País e, em vez de trabalhar, passa o seu tempo fomentando o caos e ameaçando ministros do Supremo Tribunal Federal e a democracia.

Ela também criticou o ministro da Educação, Milton Ribeiro, no episódio em que ele desdenhou do ensino inclusivo, e disse que o governo federal tem uma capacidade inesgotável de nomear gente tosca para a pasta. “Esse senhor não sabe o que é educação. A missão dela é produzir cidadãos e cidadãs melhores para as gerações futuras, formando pessoas sem preconceitos”, disse.

A socialista também lembrou que o Brasil possui 14 milhões de desempregados e citou a inflação e as políticas econômicas de Bolsonaro, que fizeram com que o botijão gás subisse pela 16ª vez desde o início da pandemia, o litro da gasolina alcançasse a marca de R$ 7 e a carne de segunda, seja encontrada por até R$ 40 o quilo. “É preciso que o presidente desta casa tenha a coragem de pautar o impeachment deste presidente da República, que encarece tudo e é capaz de criar o desempregado dentro do desemprego, pois muitos motoristas de aplicativo que tinham na atividade uma esperança estão abandonando essa alternativa por não terem dinheiro para custear o combustível”, finalizou.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 10027 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).