Microchips ajudam no controle da população de cães e gatos em Salvador

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
A medida é aplicada desde 2013, quando o serviço de castração teve início na capital, com o objetivo de mapear os animais beneficiados e obter dados para melhorar as políticas públicas ofertadas pelo setor.
A medida é aplicada desde 2013, quando o serviço de castração teve início na capital, com o objetivo de mapear os animais beneficiados e obter dados para melhorar as políticas públicas ofertadas pelo setor.

O Castramóvel, serviço municipal gratuito de castração de cães e gatos, está dando continuidade à implantação de microchips em animais, por meio de cirurgia. A medida é aplicada desde 2013, quando o serviço de castração teve início na capital, com o objetivo de mapear os animais beneficiados e obter dados para melhorar as políticas públicas ofertadas pelo setor, na capital baiana.

De acordo com a titular da Diretoria de Promoção à Saúde e Proteção Animal (Dipa), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e responsável pelo Castramóvel, Tainara Ferreira, o microchip é um recurso importante, por fornecer o histórico do pet. Além disso, é possível identificar quais deles passaram pela castração por meio do serviço público.

Quando o cidadão solicita a cirurgia do cão ou gato, são anexadas ao Registro Geral de Animais (RGA) – um cadastro municipal para controle animal – informações como nome, porte, cor da pelagem, histórico de vacinação e informações do tutor. Esses dados podem ser obtidos por meio da leitura do chip do animal, realizada com um aparelho específico de controle, pertencente à Dipa.

Mesmo não sendo usado como recurso para localizar o pet, caso ele se perca, o microchip pode ser instrumento de conferência do tutor, para checar se o animal que encontrou é de fato o seu. Caso o responsável encontre seu pet perdido e queira confirmar se ele é mesmo o seu amigo, é possível entrar em contato com a diretoria para solicitar que a equipe faça a leitura do chip do animal. A solicitação pode ser feita através do e-mail [email protected] salvador. ba. gov. br, ou ainda pelo Fala Salvador, no telefone gratuito 156.

A recomendação da diretoria é que os animais usem coleiras de identificação e, caso possuam o microchip, tenham o número do registro gravado na plaquinha. Esse cuidado auxilia caso alguém localize o animal perdido e entre em contato com a diretoria em busca do tutor.

Castrações

Apenas no ano de 2020 foram realizadas 8.843 castrações de cães e gatos em Salvador, por meio do Castramóvel. Este ano já foram efetuadas 7.958 cirurgias. Os procedimentos são efetuados em duas unidades móveis do Castramóvel e em clínicas conveniadas com a Prefeitura.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113508 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]