Lídice da Mata e Alessandro Molon reagem à PEC do voto impresso; “Derrotaremos com votação acachapante”, dizem parlamentares

Deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) e Alessandro Molon (PSB-RJ), deputado federal e líder da Oposição na Câmara.
Deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) e Alessandro Molon (PSB-RJ), deputado federal e líder da Oposição na Câmara.

A proposta de emenda à Constituição (PEC) do voto impresso será votada nesta terça-feira (10/08/2021) na Câmara dos Deputados. Na noite da última segunda-feira (09/08/2021), a deputada federal Lidice da Mata recebeu o deputado federal e líder da Oposição na Câmara, Alessandro Molon (PSB-RJ), em uma edição especial do seu programa Política em Debate. Os parlamentares foram categóricos ao afirmar: “derrotaremos com votação acachapante”.

Convidado desta edição, Molon rechaçou os ataques do presidente da República à democracia brasileira, ao anunciar que irá colocar tanques de guerra para desfilar durante votação da PEC.

“Essa luta não começa apenas na hora da votação da PEC que derrotaremos, mas uma luta que vai começar com a reação à essa tentativa de intimidação, de constrangimento, de ameaça ao Congresso Nacional, protagonizada por Bolsonaro, que permitiu que se organizasse um desfile de tanques de Guerra na Esplanada dos Ministérios para intimidar e tentar nos constranger a aprovar essa PEC do voto impresso”, criticou.

Molon ainda reforçou que “nossa obrigação é reagirmos duramente a isso e, portanto, derrotar com uma votação acachapante a PEC do voto impresso e também organizamos um ato dos deputados para demonstrar que não aceitaremos essa intimidação de tanques dando a voltas ao entorno do congresso”, disse.

Lidice da Mata corroborou com a fala do líder da oposição e acrescentou. “Nós temos que proteger a democracia brasileira e o direito constitucional do povo brasileiro de votar e eleger os seus escolhidos. E, com isso, o povo tem feito, através da urna eletrônica, há mais de 20 anos, sem constesta-la em nenhum momento”, concluiu.

Sobre Carlos Augusto 9759 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).