Escolas estaduais da Bahia ofertam alimentação reforçada e merendeiras capricham no cardápio para os estudantes

As profissionais preparam as refeições a partir da orientação das nutricionistas da Secretaria da Educação do Estado (SEC), por meio de capacitações.
As profissionais preparam as refeições a partir da orientação das nutricionistas da Secretaria da Educação do Estado (SEC), por meio de capacitações.

As escolas da rede estadual de ensino estão oferecendo uma alimentação reforçada e as merendeiras estão caprichando com um cardápio variado para os estudantes. Com as aulas no formato híbrido, agora é servida uma refeição a mais com o objetivo de contribuir para a segurança alimentar e nutricional. As profissionais preparam as refeições a partir da orientação das nutricionistas da Secretaria da Educação do Estado (SEC), por meio de capacitações.

Para os estudantes do turno matutino, são servidos um café da manhã na chegada à escola e um almoço antes de ir para casa. Para o turno vespertino, são servidos o almoço e a ceia antes da saída; e, no noturno, também é servida uma ceia. O cardápio diário varia de escola para escola. No café da manhã, o cardápio contempla, por exemplo, cuscuz com ovo, aipim, inhame, mingaus, frutas e sucos, além do tradicional café com leite. Já o almoço tem feijão com arroz, carnes, verduras, legumes, saladas e até yaksoba.

A merendeira Eliana dos Santos, do Colégio Democrático Estadual Florentina Alves dos Santos, em Juazeiro, disse que todos os pratos são preparados com muito carinho e dedicação. “Temos o cuidado de fazer uma alimentação saborosa, saudável e que agrade a todos. Sempre higienizamos os alimentos com hipoclorito de sódio e, também, os pratos e os talheres antes de serem lavados. O estudante Vitor Hugo Soares, 20, 3° ano, aprovou o cardápio. “A nossa alimentação está com uma qualidade excelente e todos os pratos são saborosos. As merendeiras da escola são excepcionais e preparam tudo com cuidado, seguindo os protocolos”, opinou.

No Colégio Estadual Ministro Oliveira Brito, em Olindina, o estudante Bonifácio de Santana Neto, 3° ano, 17 anos, elogiou o cardápio variado. “A alimentação está muito saborosa e ficou melhor, pois tivemos a implementação de mais uma refeição. Isso é muito importante para manter a gente mais ativo nas aulas”, comentou. A merendeira Noelma Lima comentou que todos os protocolos estão sendo adotados na preparação dos alimentos. “Usamos touca, máscara, luvas e hifenizamos os alimentos e todo o ambiente. Sinto prazer em oferecer uma alimentação saudável e segura para os estudantes”.

A nutricionista Geisa Soares, do Núcleo Territorial de Educação do Sertão do São Francisco (NTE 10), ressaltou o capricho na elaboração alimentar. “O cardápio foi proposto conforme a nova legislação do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que visa a prevenção e o controle de doenças crônicas, como obesidade e diabetes, além da oferta de frutas e legumes, conforme a diversidade de cada região e dos produtores da Agricultura Familiar. Os manipuladores de alimentos de todas as escolas passaram por capacitações para garantir a preparação com segurança e qualidade”, informou.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120613 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.