Pesquisa XP aponta Lula liderando intenção de votos e com potencial para ser eleito presidente da República no primeiro turno em 2022

Ex-presidente Lula (PT-SP) tem um plano para reconstruir o Brasil.
Pesquisa da XP inidica que Lula tem potencial para vencer eleição para presidente da República no primeiro turno de 2022.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ampliou a sua vantagem sobre o presidente Jair Bolsonaro e o derrotaria na disputa ao Palácio do Planalto no primeiro e no segundo turno, apontou pesquisa XP/Ipespe nesta quinta-feira (08/07/2021).

A nova rodada da sondagem de julho mostrou um crescimento do petista na corrida presidencial, atingindo 38% das intenções de voto contra 26% de Bolsonaro –no mês passado, o petista tinha 32% contra 28% do presidente.

Na sequência, aparecem Ciro Gomes (PDT) com 10%; o ex-ministro e ex-juiz Sérgio Moro, 9%; o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM), 3%; João Doria (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL), 2%.

Em simulações de segundo turno, Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro e atinge 49%, contra 35% do atual presidente –na pesquisa anterior, o placar era de 45% a 36%.

O petista, que tem aparecido nas pesquisas como a principal ameaça eleitoral de Bolsonaro, reconquistou seus direitos políticos neste ano após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que anulou condenação dele no âmbito da operação Lava Jato. Ele ainda teve outras vitórias judiciais após amargar mais de 500 dias de prisão.

A pesquisa realizou 1.000 entrevistas, de abrangência nacional, entre os dias 5 e 7 de julho, com margem de erro de 3,2 pontos percentuais.

*Com informações de Reportagem de Ricardo Brito, da Agência Reuters.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112581 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]