Não tiro chapéu pro BRT e dou nota 2 para Colbert, diz Robinson Almeida; Deputado abordou gestão municipal de Feira de Santana durante entrevista

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Deputado Robinson Almeida critica gestão do prefeito Colbert Martins de Feira de Santana.
Deputado Robinson Almeida critica gestão do prefeito Colbert Martins de Feira de Santana.

Em entrevista ao programa de Silvério Silva, na Rádio Sociedade News, neste domingo (18/07/2021), em Feira de Santana, o deputado estadual Robinson Almeida (PT) não tirou o chapéu para o BRT do município, que classificou como “arremedo” e motivo de piada “internacional”. Questionado no programa sobre qual avaliação faria da gestão do prefeito Colbert Martinhs (MDB), o petista, que coordenou a campanha do deputado federal Zé Neto na eleição municipal, deu nota 2 para o emedebista. “Por educação, porque merecia pouco menos, Silvério”, satirizou Robinson, no quadro “Pra Quem Você Tira o Chapéu”.

Em funcionamento desde do final de 2020 em Feira de Santana, o BRT (Ônibus de Trânsito Rápido) percorre um trecho que, somado, não chega a 10 km, enquanto a média mundial é superior a 30 km e a brasileira superior a 25 km de cobertura terrestre para atender o maior número de pessoas e facilitar a mobilidade social. Além disso, os ônibus articulados em circulação em Feira de Santana dividem a pista com carros e param nos semáforos, pela ausência de sinaleiras inteligentes, contrariando a lógica de existência desse modal de transporte, com corredores exclusivos e de trânsito rápido.

“Ninguém em Feira de Santana pode tirar o Chapéu para um serviço que não funciona. Infelizmente, R$ 100 milhões investidos, desviado o objeto que era o objetivo fundamental, que era melhorar o transporte municipal. Foi construido 2 trincheiras, e não foi resolvido a ligação dos bairros e dos distritos até o centro de Feira de Santana. Hoje assistimos um amerredo de BRT”, analisou Robinson, que seguiu com sua análise.

“Em Feira de Santana não tem via exclusiva pra esse ônibus circular. Esse ônibus convive com todos os carros da cidade. Ele para em semáforo. Chega a situação ridícula de ter de colocar funcionários para fazer a travessia de pessoas. Como é que um veiculo desse é rapido? Como é que um sistema desse é eficiente? Salvador era piada internacional por causa do metrô calça curta, infelizmente o velho sistema aqui em Feira, o ex-prefeito e o atual prefeito colocaram Feira de Santana como piada internacional por ter o único BRT do mundo que para em semáforo, o único BRT do mundo que liga o nada a lugar nenhum. Vou fazer um desafio, quem encontrar e fotografar o BRT de Feira com sua capacidade completa de passageiro eu vou dar uma bicicleta. Todo dia observo, para em ponto, não desce nem soube ninguém. É uma vergonha. Além disso, gastando dinheiro público, você tem ali óleo diesel queimando, pagamento a empresa, funcionários e o serviço ao povo não é prestado. [Enquanto isso], você anda nos bairros os pontos de ônibus lotados, nos distritos o povo sem transporte para vim a cidade e essa fantasia chamada BRT de Feira de Santana”, criticou.

Gestão Colbert

Na entrevista, o deputado Robinson Almeida ironizou, criticamente, a gestão do prefeito Colbert Martins e afirmou que, pelo que se ver de abandono na cidade, o segundo mandato do emedebista não começou.

“Ainda não começou o segundo mandato do prefeito Colbert. Ninguém ver nenhuma intervenção na cidade, as obras do centro parada, a duplicação dos viadutos, a ausência de manutenção e conservação da cidade, as praças mal cuidadas. A cidade está, realmente, precisando que comece o segundo mandato. Dei [nota] 2 [a gestão Colbert] por educação, porque merecia pouco menos, Silvério”, concluiu o deputado, que elogiou o trabalho da Câmara de Vereadores na Princesa do Sertão.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123341 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.