Morre ex-secretário estadual da Bahia Jorge Fontes Hereda; Ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff, governador Rui Costa e Partido dos Trabalhadores emitem nota de pesar

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jorge Fontes Hereda morre aos 64 anos.
Jorge Fontes Hereda morre aos 64 anos.

Jorge Fontes Hereda, arquiteto e ex-presidente da Caixa Econômica Federal e ex-secretário estadual da Bahia, morreu nesta sexta-feira (09/07/2021), aos 64 anos. A informação foi repassada pelo Partido dos Trabalhadores (PT) da Bahia. A causa da morte não foi divulgada.

Em nota, o PT-BA “destaca a competência e o compromisso de Hereda na prestação do serviço público”. Ele atuou entre os anos de 2003 e 2005 como secretário de Habitação do Ministério das Cidades, no governo Lula. Ele também foi secretário estadual de Desenvolvimento Econômico no governo de Rui Costa, na Bahia.Na Caixa, ele atuou como vice-presidente de 2005 a 2011, quando assumiu a presidência do banco. Ele deixou o posto quatro anos depois, em 2015.

Pelas redes sociais, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou a morte de Hereda, dizendo que ele “ajudou a construir um dos maiores programas habitacionais do mundo, o Minha Casa Minha Vida”. Já a ex-presidente Dilma Rousseff disse que ele “fará muita falta ao País.”

Rui Costa, também pelas redes sociais, apontou que Hereda “será lembrado por seu trato amigável e empático, além da grande inteligência”. Nelson Barbosa, ex-ministro da Fazenda e Planejamento de Dilma e ex-secretário de Política Econômica de Lula, disse que o ex-presidente da Caixa foi “crucial na formulação e execução do programa Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida e expansão de crédito pela Caixa.”

Íntegra da nota do PT da Bahia

O Partido dos Trabalhadores da Bahia (PT Bahia) lamenta o falecimento do arquiteto e ex-presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Fontes Hereda, que ocorreu nesta sexta-feira, 09, e se solidariza com sua esposa, seus familiares e amigos pela perda.

O PT destaca a competência e o compromisso de Hereda na prestação do serviço público, no qual atuou como secretário de Habitação do Ministério das Cidades, entre os anos de 2003 e 2005 e como vice-presidente e presidente da Caixa de 2005 a 2011. O arquiteto também foi secretário estadual de Desenvolvimento Econômico no governo de Rui Costa.

O presidente do PT Bahia, Éden Valadares, destacou as qualidades que fizeram do ex-presidente da Caixa um grande homem e gestor. “Hereda combinava inteligência e conhecimento técnico com compromisso militante e rara gentileza no trato. Que sua passagem seja luz, companheiro. Seu exemplo será sempre lembrado e, para nós, eterna inspiração”.

Biografia 

Jorge Fontes Hereda nasceu, em 27 de setembro de 1956, na cidade de Salvador, era formado em arquitetura pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), posteriormente tendo feito mestrado em Arquitetura e Urbanismo na Universidade de São Paulo (USP). Acumulou experiência atuando em diversas secretarias no estado de São Paulo, sempre com o principal objetivo de tratar de questões urbanísticas;[2] nos de Habitação e Desenvolvimento Urbano do município de Diadema; de Desenvolvimento Sustentado de Ribeirão Pires; e de Serviços e Obras de São Paulo, além de ocupar o cargo de secretário-executivo do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC. Também foi presidente da Companhia Metropolitana de Habitação de São Paulo (COHAB).

No Executivo, atuou como secretário de Habitação do Ministério das Cidades, entre os anos de 2003 e 2005. Ainda em 2005, assumiu o cargo de vice-presidente de Governo da Caixa Econômica Federal, até março de 2011, quando foi efetivado presidente da estatal.

Em fevereiro de 2015, foi sucedido pela ex-ministra do Planeamento Miriam Belchior para a presidência da Caixa.

Em maio de 2015, foi nomeado secretário estadual de Desenvolvimento Econômico do governo da Bahia, no governo de Rui Costa (PT). Deixou o cargo em janeiro de 2017.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113587 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]