Geraldo Alckmin pode ingressar no PSD e concorrer ao governo de São Paulo nas Eleições 2022 contra o candidato do governador João Dória

Geraldo Alckmin deve deixar PSDB e confrontar aliado de João Doria nas Eleições 2022 de São Paulo.
Geraldo Alckmin deve deixar PSDB e confrontar aliado de João Doria nas Eleições 2022 de São Paulo.

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin deve deixar no próximos dias o PSDB, partido no qual ingressou em 1988. O anúncio da nova legenda será feito dentro de mais alguns dias, ou semanas. Fontes informam que o destino provável será o PSD, cuja presidência nacional é exercida por Gilberto Kassab.

A saída de Geraldo Alckmin do PSDB marca a ruptura completa com a liderança exercida pelo governador João Dória (PSDB), cuja pretensão é lançar o vice-governador Rodrigo Garcia (Ex-DEM, atual PSDB) candidato ao governo de São Paulo nas Eleições 2022, mesma pretensão do ex-governador.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9613 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).