Futebol baiano, o que é preciso para os grandes voltarem a brilhar

Pela 3ª rodada do Nordestão, o Vitória superou o Bahia por 1 a 0, neste sábado (13), no Estádio Barradão. Com o resultado, o Leão chegou à vice-liderança do Grupo B, enquanto o Esquadrão de Aço estacionou no quarto lugar do Grupo A. As duas equipes jogaram pela última vez em primeiro de março de 2020 e vinham embaladas pela classificação, no meio da semana, para a segunda fase da Copa do Brasil. O Tricolor goleou o Campinense-PB por 7 a 1 e o Rubro-Negro passou por 1 a 0 pelo Águia Negra (MS). Na próxima quarta (17), tem BA-Vi novamente, desta vez pelo Campeonato Baiano.
Disputa do BA-VI pela Copa Nordeste 2021. Os dois times baianos têm conquistado bons resultados nos regionais e estaduais, mas deixam a desejar nos campeonatos nacionais.

Eles nunca foram campeões nos torneios nacionais, ao menos neste século, nem estão entre os 10 times que mais levaram títulos para casa. No entanto, Bahia e Vitória ainda são expoentes do futebol baiano.

O Esporte Clube Bahia, da cidade de Salvador, foi fundado em 1º de janeiro de 1931. O Tricolor da Boa Terra é um dos clubes mais populares do estado e das regiões Norte-Nordeste, com a maior torcida regional.

O time foi o primeiro campeão brasileiro, batendo o Santos em 1959 e sagrando-se vitorioso na Taça Brasil. Também foi o primeiro clube que representou o país na Libertadores, em 1960, competição em que esteve mais duas vezes.

Já o Esporte Clube Vitória, também sediado em Salvador, é um dos mais antigos do Nordeste e um dos mais antigos do Brasil, e data de 13 de maio de 1899. Um dos seus orgulhos é sua categoria de base, uma das mais bem sucedidas do mundo e que teve, em seu auge, 21 títulos mundiais.

O Leão da Barra também se destacou ao construir seu próprio estádio, o Barradão, consolidando seu futebol. Em 1953, o clube teve a honra de ser o campeão no primeiro Campeonato Baiano decidido no estádio da Fonte Nova.

Apesar de serem times expressivos no âmbito regional, tornando a rivalidade Ba-Vi um clássico do esporte brasileiro, com mais de 80 anos, os clubes amargam nos campeonatos nacionais: desde 1988, nenhum dos times levanta a taça, e nem mesmo nas séries B e C conseguiram vencer.

A seguir, confira como estão as campanhas mais recentes dos times que os baianos mais amam:

No Campeonato Baiano

É o primeiro Baianão em que a final será disputada por dois times que não são de Salvador.

Dessa vez, o Bahia chegou às semis. Pelo visto, o técnico Dado Cavalcanti quis poupar seus jogadores, pois a campanha no campeonato regional foi bem sucedida. Já o Vitória foi derrotado na primeira fase. O Fluminense da Feira empatou com o time, que acabou se retirando da disputa.

Apesar do desempenho pouco favorável na temporada, juntos, os times já venceram mais de 65% das finais do torneio. O Bahia é o grande campeão, com 49 vitórias, e o Vitória tem 29.

Na Copa do Nordeste

Na Copa do Nordeste, Bahia e Vitória lideram o ranking de títulos, com 4 conquistas cada (Vitória em 1997, 1999, 2003 e 2010 e Bahia em 2001, 2002, 2017 e 2021).

O campeonato chegou ao fim no dia 8 de maio, quando o Bahia venceu o Ceará por 2 a 0, na Arena Castelão, e conquistou mais um título do Nordestão. Rodriguinho e Gilberto foram os responsáveis pelo triunfo do time.

Apesar de não sair vitorioso na Lampions League, o Ceará foi o clube que eliminou o Leão. Em jogo válido pelas semifinais, o Vitória foi derrotado por 2 a 0.

No Brasileirão

Neste campeonato, o desempenho do Bahia se sobressai. Em 2018 e 2019, o time encerrou em 11º lugar. No ano passado, caiu para o 14º lugar. Ainda assim, o Tricolor apresenta um cenário mais positivo que seu adversário.

Há dois anos, o Leão amarga a presença na série B: ficou na 14ª posição em 2020, e, no ano anterior, em 12º. Em 2018, chegou a jogar pela a série A, mas encerrou em 19º e foi rebaixado.

O campeonato nacional ainda não iniciou – está previsto oficialmente para 30 de maio. O Vitória começa a jogar pela série B no dia 28, contra o Guarani, e o Bahia estreia pela série A no dia seguinte, em partida contra o Santos.

Na Copa do Brasil

O Vitória é o único time da Bahia que já esteve em uma final da Copa do Brasil. Foi em 2010, mas perdeu para o Santos de Neymar. A boa campanha, no entanto, provavelmente não vai se repetir.

Essa temporada marca a 32ª passagem do time pela Copa do Brasil. O Vitória enfrenta o Inter na terceira fase do torneio, em 3 e 10 de junho, com jogo de ida no Barradão e o segundo no Estádio Beira-Rio.

Já o Bahia, que nunca passou das quartas no campeonato, duela com o Vila Nova-GO no dia 1º e 9 de junho. O primeiro jogo será no campo do Vila Nova-GO. Assim, o Bahia decidirá a vaga, na partida de volta, em casa.

Os times já se encontraram em três divisões do Brasileirão e, da última vez, na Série B, o Tricolor levou a melhor, com vitória por 1 a 0.

Gostou do conteúdo? Então não deixe de acessar a KTO apostas esportivas para não perder os lances destes times.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116690 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.