NEOJIBA lança campanha para enfrentamento à fome; Pandemia evidenciou e agravou problema da fome no Brasil

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Neojiba lança campanha de arrecadação financeira para compra e distribuição de cestas básica de alimentos, como forma de apoio social solidário.
Neojiba lança campanha de arrecadação financeira para compra e distribuição de cestas básica de alimentos, como forma de apoio social solidário.

Alcançamos a triste marca de 310 mil vidas perdidas para o coronavírus, mas além disso, a pobreza e o desemprego espalharam-se tragicamente pelo país. Segundo dados da FGV Social e do IBGE, cerca de 27 milhões de brasileiros estão vivendo em situação de extrema pobreza e 14 milhões estão desempregados. O Instituto Locomotiva, Central Única de Favelas (Cufa) e Data Favela, em pesquisa recente nas periferias de grandes cidades, revela que a maioria das pessoas não consegue fazer duas refeições por dia e 82% dependem de doações para se alimentar.

Em 13 anos de atuação, o NEOJIBA, programa da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), gerido pelo Instituto de Desenvolvimento Social pela Música (IDSM), já atendeu mais de 10 mil crianças, adolescentes e jovens baianos em situações de vulnerabilidade, tornando-se referência de excelência, comprometimento e solidariedade.

Apenas 48h após o início do confinamento lançamos o NEOJIBA Online, conseguindo com o projeto manter nossas atividades musicais e pleno apoio psicossocial às famílias, tudo à distância. Também disponibilizamos tablets e pacotes de internet para os integrantes que mais precisam, além de compartilharmos nossas redes de wi-fi com as comunidades do entorno de nossos núcleos. O resultado disso é visível em nossas crianças e suas famílias, que hoje enfrentam a pandemia com coragem e determinação, mantendo viva a chama que nos anima.

Ainda assim, a grande maioria das famílias dos integrantes do NEOJIBA enfrenta diariamente inúmeras dificuldades. 80% delas têm renda de até 3 salários mínimos. Destas, 31% têm renda de até 1 salário mínimo e 10% de até meio salário mínimo. Não podemos ignorar essa realidade, mesmo que o problema extrapole a missão para a qual o programa foi criado.

Diante desse contexto excepcional, decidimos lançar uma campanha de arrecadação para a compra de cestas básicas, que serão doadas às famílias mais vulneráveis dos quase 2000 integrantes do programa em todo o Estado e para a população vulnerável do entorno dos 13 núcleos em Salvador e no interior da Bahia (Simões Filho, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Teixeira de Freitas, Jequié).

Uma cesta básica simples custa hoje em torno de cem reais( R$100,00), mas é possível colaborar com qualquer quantia para nos ajudar a continuar alimentando vidas e sonhos.

Para doar qualquer valor para a campanha Neojiba Solidário

Chave PIX: 10.499.525/0001-06

Depósito em conta:

Instituto de Desenvolvimento Social pela Música (IDSM)

CNPJ: 10.490.525/0001-06

Bradesco (237) | AG: 3072-4 | CC: 535720-9

Sobre Carlos Augusto 9657 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).