Exército decide abrir apuração disciplinar contra general Eduardo Pazuello

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Estado destaca investigação do Exército contra conduta de Eduardo Pazuello. Ação acontece após o general ter ido ao ato no Rio de Janeiro, no último domingo (23/05/2021), com o presidente Jair Bolsonaro.
Jornal Estado destaca investigação do Exército contra conduta de Eduardo Pazuello. Ação acontece após o general ter ido ao ato no Rio de Janeiro, no último domingo (23/05/2021), com o presidente Jair Bolsonaro.

O Exército Brasileiro decidiu abrir apuração disciplinar contra o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello por ter ido ao ato no Rio de Janeiro com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), no último domingo (23/05/2021). Como general da ativa, ele só poderia ir participar com autorização do comando do exército, o que não ocorreu.

A investigação irá avaliar se ele descumpriu o Regulamento Disciplinar do Exército, que prevê punição caso “manifeste-se, publicamente, o militar da ativa, sem que esteja autorizado, a respeito de assuntos de natureza político-partidária”.

Na segunda-feira (24), Bolsonaro proibiu o Exército Brasileiro e o Ministério da Defesa de se posicionarem em relação a ida do general ao ato político. O chefe do Executivo ligou para o ministro da Defesa Braga Netto, após saber informações pela imprensa sobre uma nota que seria publicada. O texto chegou a ser elaborado durante o dia, mas não foi divulgado a pedido do presidente. A informação foi revelada pelo jornal O Estado de S. Paulo.

*Com informações da TV Cultura.

Sobre Carlos Augusto 9652 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).