Deputado Robinson Almeida contesta crítica do prefeito Colbert Martins sobre política estadual de segurança pública em Feira de Santana; “Não cuida da prevenção, do social, e joga pra plateia”, diz

Robinson Almeida: Não cabe ao prefeito fazer uma cortina de fumaça sobre os problemas de segurança pública, que estão em Feira de Santana e em toda sociedade brasileira.
Robinson Almeida: Não cabe ao prefeito fazer uma cortina de fumaça sobre os problemas de segurança pública, que estão em Feira de Santana e em toda sociedade brasileira.

O vice-líder do governo do estado na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Robinson Almeida (PT), rebateu críticas do prefeito Colbert Filho (MDB) ao Governo do Estado sobre a segurança pública em Feira de Santana. Almeida esteve, na tarde desta segunda-feira (31/05/2021), em audiência com o Comandante Geral da Polícia Militar, Paulo Coutinho, ao lado do Comandante de Policiamento da Regional Leste, Nilton Paixão, e o deputado federal Zé Neto (PT).

Para o parlamentar, o emedebista faz “uma cortina de fumaça” para desviar o foco dos problemas de sua gestão que geram a violência no município. Segundo Robinson, a administração do prefeito Colbert Martins não investe em políticas sociais, na educação infantil e fundamental, no fortalecimento das práticas esportivas e culturais no município, na inserção do jovem feirense no mercado de trabalho, e, além disso, também não cuida da iluminação pública, da capina e limpeza na cidade. Na avaliação do deputado, a ausência dessas políticas preventivas, de inclusão social, somado a recessão econômica vivida pelo Brasil, contribui para a sensação de insegurança.

“Não cabe ao prefeito fazer uma cortina de fumaça sobre os problemas de segurança pública, que estão em Feira de Santana e em toda sociedade brasileira. O prefeito deveria fazer sua parte, porque segurança pública não é só repressão, é, sobretudo, prevenção. A ausência de creches para nossas crianças, a ausência do ensino fundamental no município, a ausência de iluminação na cidade, de capina, tem quadras esportivas, por exemplo, como da Morada do Sol, que foram tomadas pelo mato, porque a prefeituras não cuida. Isso tudo contribui para a insegurança. Então, prefeito, faça a sua parte, se una com o governo do estado pra ajudar a melhorar a segurança pública ao invés de ficar fazendo uma cortina de fumaça pra poder desviar os verdadeiros problemas da cidade, causados pela sua gestão”, rebateu Robinson.

O parlamentar lembrou que o secretário de Segurança Pública, Ricardo Mandarino, esteve em Feira de Santana nesse mês de maio e listou alguns investimentos feitos pelo governo do estado na temática. “Esse mês o secretário Ricardo Mandarino já visitou a cidade, que recebeu novos equipamentos, novas estruturas para a companhia de polícia militar, veículos, quadriciclos, para o policiamento ostensivo. Agora, repito, segurança pública não é apenas repressão. É prevenção e o prefeito precisa parar de tentar desviar o foco e fazer a parte dele, sugiro que se una ao Estado, que tem importantes investimentos na Princesa, e reclame com seu aliado, Bolsonaro, que até hoje só prejudicou o Brasil e agravou o quadro social brasileiro com sua política econômica de destruição nacional”, concluiu Robinson.

Confira vídeo com as críticas do prefeito Colbert Martins

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112854 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]