Conheça a história de Nelson Dida

O goleiro Nelson de Jesus Silva (Dida) foi campeão mundial com a Seleção Brasileira em 2002 e escreveu uma trajetória importante no futebol. Com a Amarelinha, o atleta disputou 92 partidas ao longo de 11 anos, com histórico de 57 vitórias, 23 empates e 12 derrotas. Além disso, ainda conquistou a Copa América de 1999, a Copa das Confederações (1997 e 2005).
O goleiro Nelson de Jesus Silva (Dida) foi campeão mundial com a Seleção Brasileira em 2002 e escreveu uma trajetória importante no futebol.

O seu nome ficou conhecido, popularmente como DIDA, porém, os seus documentos pessoais carregam Nelson de Jesus Silva. Ele ficou muito conhecido no Brasil e no mundo por ser um dos melhores defensores de pênaltis de todos os tempos. Aqueles que apostaram em seu sucesso saíram por cima, e puderam usar um codigo bonus do 1xBet. 

Ele nasceu em 07 de outubro de 1973, em Irará, na Bahia. A sua carreira no futebol começou aos 17 anos de idade, onde jogou nas categorias de Base do ASA de Alagoas. Já nessa época ele se destacava com um jogador que tinha habilidade e um futuro promissor caso ele investisse na carreira como jogador.

 Já no ano seguinte, quando ele estava jogando na categoria sub-20 ele acabou sendo transferido para o Cruzeiro de Alagoas e permaneceu até o ano de 1992.

Dida no Esporte Clube Vitória

Em 1992 mesmo, mas na metade da temporada dos campeonatos, Dida foi chamado para jogar no profissional do Esporte Clube Vitória e foi nesse time que ele foi campeão estadual duas vezes, sendo a primeira em 92 e a segunda em 93. Nessa época ele já era visto como destaque pelas suas defesas.

Esse sucesso todo fez com que outros times ficassem de olho no jogador. Foi então que em 94 ele foi transferido para o Cruzeiro. Logo na estreia ele já foi campeão, vencendo um jogo contra o Atlético Mineiro. Nesse mesmo período o jogador também conquistou mais duas vitórias: a Copa de Ouro e a Copa Master.

A sua habilidade era tanta que não demorou muito para que ele fosse convocado para a seleção brasileira. Ele foi então disputar a Copa América e saiu com um saldo positivo de vitórias.

As vitórias não param

Ainda enquanto ele estava no Cruzeiro, Dida fez parte do time enquanto ele vencia outros jogos, dentre eles pode-se destacar o campeonato mineiro, onde o jogador foi campeão por quatro vezes. Além disso, ele também conseguiu, juntamente ao seu time, conquistar uma Copa do Brasil e também uma Libertadores da América. Em 98, a sua trajetória no futebol cruzou o oceano e ele foi jogar no Lugano, na Suíca.

À volta para o Brasil

Em 1999, após toa a temporada na Europa, além da participação da Copa do Mundo na França, Dida volta ao Brasil e vai para o Corinthians. Um dos seus maiores destaques nesse time foi a defesa de dois pênaltis cobrados pelo jogador Raí, sendo essa defesa muito decisiva para a semifinal do tricampeonato brasileiro.

Logo em 200 ele também faturou o Mundial de Clubes da FIFA, ainda com o Corinthians. Teve uma temporada rápida jogando pelo Milan, mas logo voltou para o seu time anterior, o Corinthians. Nessa volta, seguindo ainda a sua sorte com as vitórias, Dida venceu, juntamente ao seu time, a Copa do Brasil, em 2002.

Mais uma vez ele volta para a Itália para jogar no Milan, mas agora como titular. Ele ficou no time europeu até 2010, onde foi possível conquistar alguns campeonatos europeus, sendo eles: Campeonato Italiano, Supercopa Europeia, Liga dos Campeões e Mundial de Clubes da FIFA.

Durante esse período ele jogou mais uma vez para a Seleção Brasileira na Copa de 2006. Mas o Brasil acabou sendo eliminado pela França nas quartas de finais.

Por fim, ele ficou dois anos afastado do futebol e então em 2012 a Portuguesa o chamou como reforço para a temporada. Passou pelo Grêmio e em 2015 ele encerrou a sua carreira. Nessa época ele estava jogando para o Inter. As suas defesas ficarão na memória, mas por sorte a tecnologia consegue proporcionar aos fãs a oportunidade de rever as suas jogadas. 

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116649 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.