Projeto Hídrico Tucano Noroeste nos municípios de Euclides da Cunha e Monte Santo está com 90% de execução, diz SIHS

Vista de etapa da construção do Projeto Hídrico Tucano Noroeste nos municípios de Euclides da Cunha e Monte Santo.
Vista de etapa da construção do Projeto Hídrico Tucano Noroeste nos municípios de Euclides da Cunha e Monte Santo.

A Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento da Bahia (SIHS), através da CERB, concluiu a instalação dos cinco poços do Projeto Tucano Noroeste. Dos cinco poços que fazem parte do Projeto Tucano Noroeste, dois deles se encontram em operação, abastecendo a sede municipal de Euclides da Cunha.

A obra está em fase final, tendo alcançado mais de 90% de avanço físico. Já foram testadas as redes de distribuição das sete localidades em Euclides da Cunha, as demais nove localidades de Monte Santo já possuem redes de distribuição executadas a serem testadas posteriormente. A adutora de água bruta  que leva água de Euclides a Monte Santo, com extensão total de 37 km,  60% desta já foi testada. O reservatório de 2 mil metros cúbicos de Monte Santo já está em fase de finalização e o de Euclides da Cunha, também com capacidade de 2 mil metros cúbicos,  concluído e testado.

“O SIAA Tucano Noroeste integra o Programa Águas do Sertão – Aqüífero da Bacia Tucano, e vai atender mais de 58 mil pessoas dos municípios de Euclides da Cunha e Monte Santo, sedes, a localidade de Pedra Vermelha e outras 15 localidades. A conclusão das instalações desses cinco poços é fruto de muito trabalho da equipe técnica do Núcleo Regional de Ribeira do Pombal da CERB. Esse é o compromisso do governo do estado, avançar com os serviços de saneamento promovendo mais saúde, qualidade de vida, emprego e renda para a população baiana”, destacou Leonardo Góes, Titular da SIHS.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9616 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).