Feira de Santana: Exposição fotográfica promove reflexões sobre inclusão no Mês de Conscientização do Autismo

Exposição fotográfica 'Autista sem medo de ser feliz'.
Exposição fotográfica 'Autista sem medo de ser feliz'.

Ampliar, incluir, romper com estigmas e barreiras do preconceito. No mês de conscientização do Autismo, o Instituto Família Azul, em parceria com o Boulevard Shopping, convida visitantes a repensarem atitudes e propõe percepções que fujam a “normatizações”; a ideia é não invisibilizar as singularidades que nos constituem enquanto sociedade e valorizar a diversidade, fortalecendo ações para o combate à discriminação.

A exposição fotográfica “Autista sem medo de ser feliz” traz retratos de 30 crianças e adolescentes, na faixa dos 3 aos 16 anos de idade, com Transtorno do Espectro Autista (TEA), e chama a atenção para mostrar que o autismo não é um transtorno único, não tem cara, não tem idade e que a limitação só existe na medida do preconceito. Na Mostra, as crianças se caracterizam como personagens da “Escolinha do Professor Raimundo” e brincam com a ideia de figurar entre representações, ao mesmo tempo em que reiteram à sociedade que o transtorno do espectro autista não as define, não impede a autonomia nem elimina as possibilidades de futuro, pelo contrário; são as limitações da sociedade que precisam ser rompidas para abarcar a diversidade humana.

“A Exposição veio para desmistificar essas questões, mitos que envolvem as crianças autistas, de que eles não sentem, de que eles não sabem sorrir, de que eles não sabem brincar”, conta Cíntia Souza, idealizadora do Instituto Família Azul, grupo responsável pela iniciativa.

Cíntia conta que o Família Azul surgiu em 2015, diante da necessidade de um atendimento multidisciplinar para crianças com Transtorno do Espectro Autista, e que se tornou também uma oportunidade de unir mães para sensibilizar o município e a sociedade, de uma forma geral, quanto à importância da inclusão.

Junto ao Boulevard Shopping, já é a 3ª exposição que o Instituto realiza. “Cada uma delas tem um significado especial. A 1ª foi Viva a Diferença. A 2ª foi Autismo por um mundo de possibilidades e essa que vem, em tempos difíceis, na pandemia, como Autista sem medo de ser feliz”, relata Cíntia Souza, que complementa “(…) estou me sentindo muito feliz de poder levar um pouco da mensagem pelas mãos das nossas crianças para a sociedade. Todas as pessoas que passarem por aquele corredor certamente vão ver a vida de outra forma. Essa é a proposta. E ficamos felizes por ter o Boulevard como nosso parceiro, que acredita nos projetos que a gente se propõe a fazer”.

Segundo Lidiane Melo, gerente de marketing do Boulevard, a exposição – uma das 2, em exibição durante o mês de abril – é mais uma forma de reforçar o combate à desinformação e de somar esforços na luta por uma sociedade inclusiva que veja as pessoas não como padrões, mas como sujeitos. “A Mostra Fotográfica chama a atenção das pessoas em geral para o Transtorno do Espectro Autista e reacende um debate fundamental sobre inclusão e diversidade. É um modo de unir o espaço do Boulevard Shopping ao compromisso social que difundimos, de ampliar os olhares e o alcance da informação quando se fala em autismo”, afirma Lidiane Melo.

Para finalizar, Cíntia Souza, da Família Azul, é incisiva: “Nossa caminhada é de vitória, luta e dignidade”, ressalta. A Exposição fotográfica fica aberta ao público para visitação na Entrada E2 do Boulevard Shopping até o dia 12 de abril.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111093 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]