Governador João Doria admite pela primeira vez desistir de concorrer à presidência da República em 2022; Pré-candidatura de Lula polariza eleição

João Doria (PSDB), governador de São Paulo.
João Doria (PSDB), governador de São Paulo.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), admitiu pela primeira vez que poderá desistir de se candidatar à Presidência da República em 2022.

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, Doria afirmou que pode dar preferência à disputa de uma reeleição ao seu atual cargo em vez da tentativa inédita de chegar ao Palácio do Planalto.

“Diante deste novo quadro da política brasileira, nada deve ser descartado”, declarou o governador, que em 2018 apoiou Jair Bolsonaro, eleito presidente pelo PSL e atualmente sem partido, e rompeu com o chefe do Executivo durante a pandemia de coronavírus.

O “novo quadro” ao que se referiu Doria é a possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tentar voltar ao cargo que ocupou entre 2003 e 2010.

Na última segunda, o ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), anulou todas as condenações do petista pela Justiça Federal no Paraná relacionadas às investigações da Operação Lava Jato e, consequentemente, restabeleceu os direitos políticos do ex-presidente.

*Com informações do Yahoo Notícias .

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120572 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.