Em defesa de privatizações, ministro Paulo Guedes diz que “Brasil é um país com 200 milhões de trouxas”

Paulo Guedes: o Brasil foi um dos países que mais gastou com educação, mas a grana não chega.
Paulo Guedes: o Brasil foi um dos países que mais gastou com educação, mas a grana não chega.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, continua na tentativa de defender a agenda liberal, mesmo após a intervenção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na estatal. Em entrevista ao podcast Primocast, ao tecer críticas ao estatismo, Guedes afirmou que o Brasil “é um país com 200 milhões de trouxas sendo explorados”.

Para o ministro, “o Estado empresário faliu, acabou”. Guedes ainda opinou que o país gasta muito, mas gasta mal. “O Brasil foi um dos países que mais gastou com educação, mas a grana não chega”, declarou.

Para reverter a situação econômica, Guedes defende a venda de estatais. Isso, segundo o ministro, diminuiria a máquina pública e possibilitaria que a União somasse recursos. Uma dessas privatizações seria a da Eletrobras.

No entanto, o Congresso Nacional precisa aprovar as privatizações. Guedes considera que há um alto índice de rejeição porque “tem muita gente pendurada lá. Os lobbys são muito fortes, das estatais”, afirmou.

*Com informações do Yahoo Notícias.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111111 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]