Extremista Jair Bolsonaro nomeia deputado João Roma para Ministério da Cidadania; Onyx Lorenzoni vai para a secretaria-geral da Presidência

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
O deputado federal João Roma (Republicanos-BA) é aliado do ex-prefeito de Salvador e presidente do DEM, ACM Neto, peça-chave para a vitória do candidato bolsonarista, Arthur Lira (PP-AL), para a presidência da Câmara.
O deputado federal João Roma (Republicanos-BA) é aliado do ex-prefeito de Salvador e presidente do DEM, ACM Neto, peça-chave para a vitória do candidato bolsonarista, Arthur Lira (PP-AL), para a presidência da Câmara.

O presidente Jair Bolsonaro nomeou o deputado federal João Roma (Republicanos-BA) para o cargo de ministro da Cidadania. O atual ocupante do cargo, Onyx Lorenzoni, que também tem mandato de deputado federal, pelo DEM do Rio Grande do Sul, foi nomeado para a Secretaria-Geral da Presidência da República. Os dois atos foram publicados em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), na noite desta sexta-feira (12/02/2021).

Onyx assume o terceiro ministério desde o início do governo Bolsonaro. Ele começou o mandato como chefe da Casa Civil, após coordenar a transição de governo, e ficou na pasta até fevereiro de 2020, quando foi deslocado para a Cidadania. Agora, ele volta ao Palácio do Planalto para comandar a pasta que tem como principal atribuição a análise da legalidade dos atos assinados pelo presidente da República, por meio da Subchefia de Assuntos Jurídicos, e a administração do dia a dia do Palácio do Planalto. A troca já havia sido anunciada pelo presidente no início da semana.

O comando da Secretaria-Geral da Presidência República estava vago desde o fim do ano passado, quando o então titular Jorge Oliveira deixou o governo para assumir uma cadeira de ministro Tribunal de Contas da União (TCU).

João Roma, 48 anos, está no primeiro mandato como deputado federal. Formado em direito, ele foi chefe de gabinete do ex-prefeito de Salvador ACM Neto. A pasta que será comandada por Roma é responsável pela área social do governo. Entre as principais atribuições do Ministério da Cidadania está a gestão de programas como o Bolsa Família e o auxílio emergencial, além do comando da Secretaria Especial de Esportes.

‘ACM Neto mostrou o seu caráter’, diz deputado Rodrigo Maia após nomeação de novo ministro

O deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ) voltou a criticar o presidente nacional do seu partido, ACM Neto. Maia usou o gancho da nomeação do deputado João Roma (Republicanos-BA) para o Ministério da Cidadania para questionar o caráter do ex-prefeito de Salvador.

“ACM Neto mostrou hoje o seu caráter”, escreveu o ex-presidente da Câmara dos Deputados no Twitter, ao compartilhar a notícia da nomeação feita pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Jogo de cena

Em um jogo de cena, sabedor de que o extremista Jair Bolsonaro é rejeitado pela população da Bahia e, na condição de pré-candidato à governador,  ACM Neto considerou “lamentável” que o deputado João Roma tenha aceitado o Ministério da Cidadania e diz que “se manter distante do governo federal é o caminho certo”.

Observa-se que a declaração do ‘Anão das Planilhas da Odebrecht’ são risíveis, haja visto o que o correligionário Rodrigo Maia afirma, quando o qualifica de traidor e ele próprio diz, ao declarar que o apoio à reeleição de Jair Bolsonaro, em 2022, está na pauta no Democratas.

Para o deputado estadual Robinson Almeida (PT-BA), a máscara da farsa de ACM Neto caiu, revelando, mais uma vez, a ligação que mantém com o extremismo golpista do Bolsonarismo, responsável por conduzir a sociedade Brasileira a dramático retrocesso econômico e social.

*Com informações da Agência Brasil.

Leia +

ACM Neto tenta convencer deputado João Roma a não aceitar Ministério da Cidadania; Políticos são aliados do extremista Jair Bolsonaro

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113711 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]