Alex Santana, Bacelar, José Rocha e Uldurico Junior os deputados federais da Bahia que votaram em defesa dos evidentes atos criminosos praticados pelo extremista do bolsonarismo Daniel Silveira

Como votaram os deputados federais da Bahia na análise do Parecer da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CMC 1/2021), que avaliou a possibilidade de manutenção da prisão do deputado federal extremista do bolsonarismo Daniel Silveira (PSL-RJ).
Como votaram os deputados federais da Bahia na análise do Parecer da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CMC 1/2021), que avaliou a possibilidade de manutenção da prisão do deputado federal extremista do bolsonarismo Daniel Silveira (PSL-RJ).

Os deputados federais Alex Santana (PDT), Bacelar (PODE), José Rocha (PL) e Uldurico Junior (PROS) foram os únicos parlamentares da Bahia a votarem em defesa do extremista do bolsonarismo Daniel Silveira (PSL-RJ), político acusado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) de ameaçar a Democracia e a integridade física de ministros da corte de Justiça. Os eleitores da Bahia devem guardar esses nomes na memória e dar a resposta durante as Eleições 2022 negando-lhes o direito de ocuparem novos mandatos eletivos.

Apesar do apoio dos quatro deputados da Bahia, por 364 votos a favor e 130 votos contra, o plenário da Câmara deliberou nesta sexta-feira (19/02/2021) pela manutenção da prisão do extremista Daniel Silveira. A medida de restrição de liberdade foi decretada pelo ministro do STF Alexandre de Moraes e cumprida pela Polícia Federal (PF) na terça-feira (16).

Leia +

Deputado extremista Daniel Silveira permanece na prisão por evidência de crime contra a Democracia e ameaças aos ministros do STF; Em cinco anos na PM do Rio de Janeiro, militar licenciado teve uma carreira medíocre

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109730 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]