Dólar sobe para R$ 5,43 em mais um dia de volatilidade

A bolsa de valores teve uma alta forte depois de seis dias seguidos de queda, impulsionada pelas bolsas norte-americanas.
A bolsa de valores teve uma alta forte depois de seis dias seguidos de queda, impulsionada pelas bolsas norte-americanas.

Em mais um dia de volatilidade no mercado financeiro, o dólar subiu, ignorando a melhora no cenário externo. A bolsa de valores teve uma alta forte depois de seis dias seguidos de queda, impulsionada pelas bolsas norte-americanas.

O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (28/01/2021) vendido a R$ 5,436, com alta de R$ 0,029 (+0,53%). Por duas vezes no dia, por volta das 11 e 14 horas, a cotação chegou a cair para R$ 5,39, mas a tendência de alta firmou-se durante a tarde.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3, fechou aos 118.883 pontos, com alta de 2,59%. Apesar da recuperação de hoje, o indicador está 5% abaixo do nível recorde de 125.076 pontos registrado em 8 de janeiro.

O dólar foi influenciado pelo fim de mês, quando investidores que investem em ações compram moeda para se protegerem de prejuízos. Além disso, o Banco Central (BC) interveio menos no mercado nesta quinta-feira, leiloando apenas metade do lote de 16 mil contratos de swap cambial (operação equivalente à venda de dólares no mercado futuro). Com a intervenção menor, aumenta a volatilidade da cotação.

No mercado externo, a divulgação de balanços trimestrais de empresas norte-americanas com lucros melhores que o esperado impulsionou as bolsas nos Estados Unidos, que ontem (27) tiveram o pior dia em três meses. O fato de que os pedidos de seguro-desemprego vieram abaixo das previsões nos Estados Unidos também ajudou o mercado global.

*Com informações da Agência Brasil.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108177 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]