Capítulo XIX do Caso Faroeste: Os desdobramentos da participação de Adailton Maturino, a relação dos grandes grupos econômicos que ocupam as terras da antiga Fazenda São José e as falhas do Sistema de Justiça e da imprensa

Portaria assinada, em 22 de julho de 2015, pela desembargadora Vilma Costa Veiga reconheceu os direitos de posse e propriedade de José Valter Dias sobre a Fazenda São José. Recurso contra a Portaria foi rejeitado, à unanimidade, pelo Conselho da Magistratura do TJBA.
Portaria assinada, em 22 de julho de 2015, pela desembargadora Vilma Costa Veiga reconheceu os direitos de posse e propriedade de José Valter Dias sobre a Fazenda São José. Recurso contra a Portaria foi rejeitado, à unanimidade, pelo Conselho da Magistratura do TJBA.

Conforme relato de fonte do Jorna Grande Bahia (JGB), não obstante as diversas histórias que circundam a imagem de Adailton Maturino dos Santos, não se pode negar que ele era uma personalidade conhecida na alta sociedade soteropolitana e na cúpula do Judiciário.

O jeito irreverente fazia com que se enturmasse nos mais diversos núcleos econômicos e de poder, sempre agraciando os seus conhecidos – e até não conhecidos – com mimos e cortesias. Como alguém que conhece as entranhas do poder e entende perfeitamente de lobby, ele parecia viver para agradar a todos, da pessoa de menor projeção social, até quem detivesse maior visibilidade social e poder decisório, agindo de forma sútil, na penumbra que recobre as relações interpessoais, para cobrar a fatura em forma de troca de favores.

As festas bancadas por Adailton Maturino, as cortesias, presentes, contas pagas em luxuosos restaurantes e os presentes de grife tinham um propósito, afinal, como nos restaurantes do Velho Oeste dos Estados Unidos da América (EUA), a refeição é grátis, mas a bebida é paga, o que se traduz no adágio popular “não existe almoço grátis”.

Decisões do TJBA passam a favorecer direito de José Valter Dias

Após o ingresso de Adailton Maturino como representante de José Valter, os eventos passaram a lhe favorecer e os direitos de posse e propriedade sobre antiga Fazenda São José, imóvel rural com cerca de 360 mil hectares, situado em Formosa do Rio Preto, no oeste da Bahia passaram a ser reestabelecidos a partir de novas decisões do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA).

Em 22 de julho de 2015, menos de um ano do surgimento de Adailton Maturino, a Corregedoria de Comarcas do Interior do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia editou a Portaria Nº CCI- 105/2015-GSEC que revalidou a Portaria de nº CGJ-909/2007 – cancelada em 2008 pela Portaria nº CGJ-226/2008 – e manteve o cancelamento das Matrículas de nº 726 e 727, utilizada ao longo dos anos pelo Okamotos, que foram sucedidos, em parte, pelo Grupo Bom Jesus Agropecuária.

Conforme requerimento do Ministério Público da Bahia (MPBA) e decisão prolatada pela Justiça Estadual do Piauí, a desembargadora Vilma Costa Veiga determinou a anulação das matrículas nº 726 e 727 em face do reconhecimento da nulidade do assento de óbito de Suzano Ribeiro de Souza, que gerou o fraudulento inventário e, com este, as matrículas cartoriais usadas de forma ilegítima pelos Okamoto e sucessores.

A Portaria assinada pela desembargadora Vilma Costa Veiga foi questionado pelos sucessores dos Okamoto — em parte das terras vendidas à Bom Jesus Agropecuária — através de procedimento, transformado no Recurso Administrativo nº 0022546-15.2015.8.05. O Conselho da Magistratura do TJBA, por unanimidade, negou provimento ao recurso.

Ainda, diante da manutenção do teor da Portaria e da verificação da fraude consubstanciada no inventário, o Conselho da Magistratura informou o teor da decisão colegiada para diversos entes, através de ofícios expedidos para o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Ministérios Público Federal e Estadual, Polícia Federal (PF), Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP Bahia), entre outros.

Operação ‘Oeste Legal’

Para dar efetividade à Portaria assinada pela desembargadora Vilma Costa Veiga, em 25 de agosto de 2016, após o Judiciário verificar o modus operandi da fraude perpetrada contra os direitos de posse e propriedade de José Valter Dias sobre a antiga Fazenda São José, a Vara do Crime Organizado do Poder Judiciário da Bahia (PJBA), em conjunto com a Corregedoria das Comarcas do Interior do TJBA, autorizou a deflagração da Operação ‘Oeste Legal’.

A investigação envolveu o juiz corregedor Márcio Braga, dois servidores do PJBA, representantes do MPBA e equipes do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (DRACO) da Polícia Civil da Bahia.

Cerca de 100 policiais efetuaram cumprimento de 30 mandados de prisão, condução coercitiva e de busca e apreensão de documentos contra grupo que atuava na grilagem de terras nos municípios de Formosa do Rio Preto e Barreiras e em municípios dos estados do Mato Grosso e Paraná.

Os investigados, com uso de documentos fraudulentos, após conseguirem transferir as terras para os nomes de pessoas e empresas ligadas ao mesmo grupo, faziam operações bancárias e financeiras, dando as terras como garantia. Em seguida, após receberem milhões nas transações, repetiam o procedimento utilizando novos documentos forjados, informou o PJBA.

No contexto da Operação, O PJBA expediu expedidos mandados judiciais para os seguintes órgãos públicos de controle ambiental: Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA).

Conforme relato de fonte do JGB, um dos mandados expedidos determinou busca, apreensão e prisão temporária de Getúlio Fonseca. Ele litiga contra José Valter utilizando a matrícula falsa nº 1036, área diversa a dos Okamoto e, ainda, Okamoto e Nelson Vigolo, presidente da empresa Bom Jesus Agropecuária.

Como se constitui o fraudulento discurso sobre a existência de 300 pequenos agricultores

Diversos são os fatos que ocorrem em torno da Portaria Nº CCI- 105/2015-GSEC, mas, por hora, será relatado como a imprensa foi induzida à erro ao reportar o discurso do então deputado federal Osmar Serraglio, que, motivado pelo Grupo Bom Jesus Agropecuária, denunciou, em 4 de dezembro de 2018, a existência de conflito agrário que ocorre em Formosa do Rio Preto, sobre as terras da antiga Fazenda São José, ao informar, de forma equivocada, que 300 agricultores ocupavam a área de 360 mil hectares e que os mesmos eram vítimas de decisões ilegais. No contexto do discurso do parlamentar foram publicados os seguintes trechos das reportagens:

Em 16 de agosto de 2019, a Revista Consultor Jurídico (CONJUR), na matéria com título ‘CNJ intima TJBA para anular ato que transferiu 366 mil hectares a um homem’ relata que:

— Recentemente, o presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, determinou que o processo de execução deverá ser acompanhado pela própria relatora Maria Tereza. Em 2015, o TJBA editou uma portaria administrativa que cancelou os registros imobiliários dos 300 agricultores que moram no terreno. Ao mesmo tempo, toda a área foi transferida para o mecânico José Valter Dias. A portaria foi editada sem que os agricultores, que estão na região há mais de 30 anos, fossem sequer ouvidos.

Em 2 de setembro de 2020, o Jornal O Expresso, na reportagem com título ‘STF nega recurso de dois agricultores que compraram terras de José Valter Dias’, narrava que:

— Com a decisão do CNJ, as terras voltaram para as mãos de cerca de 300 agricultores. Apesar disso, na esfera judicial, os agricultores ainda esperam que a questão seja reparada pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), onde o processo vem andando a passos muito lentos.

Em 17 de setembro de 2019, o Canal Rural, na matéria com título ‘Área rural equivalente a cinco cidades de Salvador é devolvida a agricultores na Bahia’, informava que:

— A anulação ocorreu no dia 13 de setembro, mas só se tornou pública nesta terça-feira (17). No mesmo ato, o cartório tornou novamente válidas as matrículas de imóveis de cerca de 300 agricultores, que haviam sido canceladas unilateralmente em 2015 com a transferência das terras ao borracheiro.

— As informações constam de edital de notificação assinado por Davidson Dias de Araújo, responsável pelo cartório de Registro de Imóveis de Formosa do Rio Preto, onde está localizada a área.

— Em comunicado conjunto, os cerca de 300 agricultores afetados pelo problema divulgaram que a anulação da matrícula “representa uma grande vitória”, pois desde 2015, segundo dizem, tiveram seus direitos “violados por uma série de decisões polêmicas de setores do Judiciário baiano”.

Em 19 de novembro de 2019, o site Migalhas, publica matéria com título ‘Presidente do TJBA é afastado por suspeita de venda de decisões’, e narra que:

— Em petição ao CNJ, o deputado Valtenir Pereira, da comissão de Agricultura da Câmara, afirmou que “mecanismos sistêmicos de grilagem (…) resultam na manipulação e inserção fraudulenta de dados nos registros públicos de terrenos rurais com vistas ao desapossamento de mais de trezentos agricultores”. Ainda segundo a petição, o presidente do TJ tem designado juízes para as comarcas da região com o objetivo de obter decisões ilegais em prol do esquema de grilagem.

Em 15 de dezembro de 2019, na mesma linha das reportagens anteriores, o programa Fantástico, da Rede Globo, veicula matéria com título ‘Fantástico mostra como um ex-mecânico se tornou um dos maiores latifundiários do Brasil’, em que adota a falsa narrativa de que um ex-mecânico e borracheiro tentava se apropriar ilegitimamente de uma área equivalente ao município de Salvador, reforçando o equivocado discurso de que centenas de agricultores foram retirados injustamente das terras, quando, de fato, elas eram ocupadas por cerca de 30 grandes grupos econômicos.

Vincit Omnia Veritas

Em síntese, a partir da falsa narrativa de Osmar Serraglio — então, membro da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados e da representação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que o mesmo formulou, em conjunto com o deputado Valtenir Pereira (MT-MDB), também, membro da Comissão — setores da imprensa e o Ministério Público Federal (MPF) foram induzidos a algumas equivocadas premissas, quais sejam:

  • Que José Valter Dias era um borracheiro, quando, de fato, ele era um empresário de Barreiras; e
  • Que as terras da antiga Fazenda São José eram ocupadas por 300 pequenos produtores rurais, quando, de fato, a mesma é ocupada por cerca de 61 grandes grupos econômicos.

Outro aspecto que emerge da falsa narrativa é a tentativa de transformar esses poderosos grupos econômicos em humildes produtores rurais, hipossuficientes, prejudicados pelo “gigante poder” de José Valter e obrigados a fazer um acordo extremamente prejudicial para permanecer produzindo nas terras.

A verdade vence todas as coisas (Vincit Omnia Veritas), desta forma, o então deputado Osmar Serraglio, responsável pela denúncias formuladas no plenário da Câmara e junto ao CNJ, em favor dos interesses da Bom Jesus Agropecuária e em desfavor dos interesses de José Valter Dias, aparece como declarante em denúncia apresentada em 10 de dezembro de 2019, pela subprocuradora-geral da República Célia Regina Souza Delgado, referente ao Inquérito nº 1258/DF, contra Adailton Maturino dos Santos e outras 14 pessoas, em processo que tramita na Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e que tem como relator o ministro Og Fernandes.

Ocorre que, em 24 de março de 2020, a Polícia Federal deflagrou a 5º fase da Operação Faroeste. A ação policial controlada contou com colaboração do criminoso confesso Júlio César Ferreira Cavalcanti, advogado, ex-servidor do TJBA, mafioso especialista em negociatas com vendas de sentenças. A referida Operação, dentre os alvos definidos, atingiu dois representantes do Grupo Bom Jesus, o advogado Vanderlei Chilante e o do produtor rural Nelson José Vígolo, diretor da empresa.

Fatos constatados

As evidências consubstanciadas na Ação de Reintegração de Posse das terras da antiga Fazenda São José (Processo nº 0000157-61.1990.8.05.0081), a cronologia e narrativa de fatos e testemunhos conduzem a apenas uma conclusão lógica verificável, qual seja, de que as matrículas cartoriais de nº 726 e 727 foram falsamente forjadas e que as mesmas, através de ardis, foram utilizadas de forma ilegal para forjar processe e propriedade sobre área agricultável, ocorrendo sobreposição com ás áreas descritas na matrícula cartorial de nº 1037.

Ainda, as matrículas de nº 726 e 727, conforme fora abordado nos capítulos anteriores desta série investigativa, foi objeto de desmembramento por parte do Okamoto, dando origem a várias matrículas novas, com área menores, vendidas à pessoas diferentes, como forma de causar tumulto processual.

Ocorre que os empresários do agronegócio que constam como proprietárias das matrículas desmembradas, apesar de diversas, são integrantes da mesma família ou do mesmo grupo econômico, relata fonte.

Evidências e relatos 

Segundo a fonte do Jornal Grande Bahia, importa reafirmar que as evidências e relatos indicam, objetivamente, que não se tratam de pequenos produtores, mas, grandes latifundiários que, na maioria dos casos, sequer residem na localidade. São produtores rurais de grande porte que, com o lucro da soja explorada ilicitamente em terras griladas, moram nas diversas regiões do país, inclusive, me municípios das regiões Centro-oeste e no Sul do país.

Portanto, embora haja o registro no nome de diversas pessoas diferentes, a narrativa dos “trezentos” criada pelo deputado Osmar Serraglio, incorporada pelo Sistema Judicial e reproduzida por setores da mídia é uma falácia.

Conforme relato da fonte e documentos, não existem e nem nunca existiram 300 agricultores. O que existem são matrículas desmembradas, registradas nos nomes de pessoas diferentes para criar tumulto processual e evitar questões fiscais referentes a tributos ou acréscimo patrimonial, dentre outros.

O que existe, quanto a área concernente as matrículas nº 726 e 727, é a dominância de grandes grupos econômicos.

A fonte destaca que, no total, 61 grupos ocupam as áreas rurais de propriedade de José Valter e que parte significativa destes grupos contrataram o criminoso e advogado Júlio César (OAB/BA nº 32.881) para representa-los nas negociatas envolvendo venda de sentenças judiciais e fraudes cartoriais, marginal que mantém ativo registro na Ordem dos Advogados, ao mesmo tempo em que se tornou delator do Caso Faroeste.

Em síntese, a retórica dos 300 pequenos agricultores foi mais uma artimanha feita por grileiros para demonizar a figura de José Valter e lhe retirar direitos e apoio junto à opinião pública. Entretanto, mais uma vez, as evidências factuais, a cronologia e narrativa dos fatos indicam, objetivamente, que o conflito fundiário sobre as terras da antiga Fazenda São José, em Formosa do Rio Preto, foi objeto do Sistema Faroeste de Corrupção, o que implicou na supressão de direitos e favorecimento continuado a quem não detinha legitimidade sobre as terras.

A relação dos latifundiários

Para trazer maior exatidão a narrativa, o Capítulo XIX do Caso Faroeste é concluso com levantamento executado por fonte do Jornal Grande Bahia, sobre as matrículas de nº 726 e 727, sobreposta à área delimitada na matrícula nº 1037, cuja posse se apresenta sobre os seguintes nomes:

Okamoto

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Formosa Alberto Yutaro Okamoto 13 5294
Fazenda Jk Vicente Mashahiro Okamoto 17 13890
Fazenda Riko Ricardo Yoshio Okamoto 254 1079,93
Fazenda Aluá Julio Kenzo Okamoto 394 10015
Fazenda Fernão Dias Julio Kenzo Okamoto 395 12921
Fazenda Campinas III Alberto Yutaro Okamoto 396 11450
Fazenda Boa Vista Vicente Mashahiro Okamoto 654 30980
Fazenda São João Vicente Mashahiro Okamoto 655 16657,57
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 30 Reinaldo Massao Okamoto 287 331,44
Fazenda Sacuri Victor Issamu Okamoto E Fabio M. Ueno 726 31948,28
Fazenda Monte Azul Agropecuaria Goioere Ltda 18 4650
Fazenda Espirito Santo II Agropecuaria Goioere Ltda 798 3703
Fazenda Itápolis Agropecuaria Goioere Ltda 839 4700
Fazenda Oswaldo Cruz Agropecuaria Goioere Ltda 840 5605
Fazenda Porto Limpo Algodoeira Goierê Ind E Com Ltda 843 2120
Fazeenda Divisa Algodoeira Goierê Ind E Com Ltda 844 6400
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 24 Edson K. M. Shimazu 268 332,67
Fazenda Toshio Nelson T. M.  Shimazu 296 1104,29
Fazenda São João Coaceral Coop. Agric. Cerrado Brasil Central 796 3000
Fazenda São João Coaceral Coop. Agric. Cerrado Brasil Central 797 40
Fazenda São João Coaceral Coop. Agric. Cerrado Brasil Central 799 8,2875
Projeto Águas Claras Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 14530 3326,1
Vila Rural Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2016 24,462
Pac Lote 03.03 Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2284 248,4685
Pac Lote 03.09 Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2286 100
Pac Lote 03.10 Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2287 200
Pac Lote 05.01-A Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2295 250
Pac Lote 01.08 Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2438 250
Pac Lote 01.09 Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2438 250
Pac Lote 01.14 Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2441 1000
Pac Lote 01.03-A Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2442 188,0908
Pac Lote 01.03-C Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2443 313,0908
Pac Lote 01.05-A Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2445 400
Pac Lote 01.05-B Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2446 421,88
Fazenda Santa Maria Iii Lote 02.01-B Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2146 246,7065
Fazenda Santa Maria Iii Lote 02.03-B Sul Comercio De Cereaos Imp. Exp Ltda 2147 254,5048
Projeto Águas Claras Lote 03.17 Assoc. Com. Dos Pq Prod A Claras 1801 950
Projeto Águas Claras 03.09-A Hilário José Coteskvisk 1874 50
Fazenda Divisa Cia. Sul De Empreendimentos 1918 88,0493
Fazenda Divisa Parcela I Cia. Sul De Empreendimentos 3530 237,6422
Fazenda Divisa Parcela II Cia. Sul De Empreendimentos 3531 73,574
Fazenda Santana Ind. E Comercio Assaimenka S/A 1977 5508
Pac Lote 06.09 Paulo Augusto Piazzon E Outro 3536 1200,92

Área Total:

181.812

Didomenico

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Cabreuva E Paz Lote 18 Dirceu Di Domenico 93 332,67
Fazenda São Diego Douglas Daniel Di Domenico 209 494,1
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 19 Dirceu Di Domenico 253 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 20 Dirceu Di Domenico 258 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 17 Douglas Daniel Di Domenico 266 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 22 Dirceu Di Domenico 267 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 25 Dirceu Di Domenico 269 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 01 Eliceu  Felipe Kuhn 272 334,44
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 06 Dirceu Di Domenico 274 334,44
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 05 Roberto Di Domenico 408 332,67
Fazenda Porto Limpo Elcio Aristeu Kuhn E Euclides José Kuhn 231 500
Fazenda Porto Limpo Fazenda Porto Limpo Ltda 2842 1421,96
Fazenda Duduca Julio Teiji Uchida 239 500
Fazenda Duduca Aristides De Nardi 636 599,697
Fazenda Monaco I Eliceu Felipe Kuhn 1958 250
Faazenda Jk Lote 05-B Glaci Gorete Malacarme Kuhn 1991 250
Lote 08,Q 3 Euclides José Kuhn 2766 1050
Lote 08,Q 13 Euclides José Kuhn 2767 1125
Lote 08,Q 13 Euzebio Toá Kuhn 2768 1125

Área Total:

10313,33

Gorgen

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Cabreuva E Paz Lote 13 João Ontonio Gorgen 211 322,1
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 02 Lorival Gorgen 251 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 08 Lorival Gorgen 252 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 15 Daniel Ricardo Gorgen 256 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 21 Roque Luis Gorgen 257 334,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 23 Lorival Gorgen 260 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 27 Lorival Gorgen 270 336,14
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 03 Lorival Gorgen 273 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 07 Carlos Alberto Gorgen 275 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 12 Carlos Alberto Gorgen 288 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 28 Lorival Gorgen 290 337,4
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 13 João Ontonio Gorgen 539 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 04 José Almir Gorgen 545 332,67
Fazenda Divisa Carlos Alberto Gorgen 627 500
Fazenda Divisa Daniel Ricardo Gorgen 628 500
Fazenda Divisa Lorival Gorgen 629 500
Fazenda Divisa Roque Luis Gorgen 715 500
Fazenda Divisa José Almir Gorgen 540 500
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 09 José Almir Gorgen 691 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 14 João Ontonio Gorgen 710 332,67
Fazenda Lg 300 Lorival Gorgen 985 500
Fazenda Santa Felicidade Renê Kawano 205 500
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 11 Jorge Massayuki  Sato 250 334,44
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 26 Jorge Mitsuo Imakura 259 335,42
Fazenda São João Kazuoshi Imakura 293 500
Fazenda Cabreuva E Paz 10 Altair Ramos Cavalheiro 692 332,67
Fazenda Cabreuva E Paz Lote 14 Wilson Eduarodo Ardt E Haidi Shweig 788 1501,89

Área Total:

11.494,1

Sujuki

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Nossa Senhora Aparecida Todi Sujuki 197 500
Fazenda Conquista I Heder Todi Sujuki 1988 360
Fazenda Conquista II Heder Todi Sujuki 2006 360
Fazenda Conquista III Adilson H. Sujuki 2048 360
Fazenda Conquista IV Adilson H. Sujuki 2049 360
Fazenda Conquista V Sandro Tadão Sujuki 2076 260,8
Fazenda Conquista VI Sandro Tadão Sujuki 2077 260,8

Área Total:

2.461,6

Demarchi

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Campina II Irineu Bento Demarchi 249 1000
Fazenda Campina I Emilia Demarchi 295 500
Fazenda Santa Clara Emilo Demarchi 986 3563,16

Área Total:

5.063,16

Watanabe

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Cabreuva E Paz 16 Julio Tadashi Watanabe 255 334,44
Fazenda Divisa Lote 09 Julio Tadashi Watanabe 1335 500
Fazenda Watanabe Julio Tadashi Watanabe 1980 250
Fazenda Watanabe Lote 07-B Julio Tadashi Watanabe 2047 250

Área Total:

1.334,44

Hasegawa

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Cabreuva E Paz 29 Horacio Shuji Hasegawa 271 334,64
Fazenda Hasegawa Horacio Shuji Hasegawa 630 500

Área Total:

834,64

Toshimari

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Cabreuva E Paz José Toshimari Nakane 289 500

Área Total:

500

Zambonatto

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Zambonatto II Zambonatto Construções Ltda 393 2311,84
Fazenda Duduca Lote 5 Zambonatto Construções Ltda 787 375,11
Fazenda Duduca Zambonatto Construções Ltda 1008 3563,16
Fazenda Zambonatto Carlos Alberto Zambonatto 1894 1136,06
Área Total: 7386,17

Schaffer

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda São João Lote 4 Claudio Luiz Schaffer 544 600

Área Total:

600

Wustro

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda São Wustro Iii André Luiz Wustro E Outros 730 9406,41

Área Total:

9.406,41

Deai

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Três Pontas I Kazuo Deai 760 499,2474
Fazenda Três Pontas II Katsumi Deai 761 493,7448

Área Total:

992,9922

Juscelino

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Brejo Da Campina Juscelino Dias Dos Santos 768 79

Área Total:

79

Rosangela

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Vale Rio Sapão Rosangela Maria B.M. Peres 769 150

Área Total:

150

Abilio

Imóvel Proprietário Matrícula Área
Fazenda Canaã Abilio Pereira Gomes Neto 770 500

Área Total:

500

Marcon

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Terra Nova I Ademir Antonio Marcon 789 255,7613
Fazenda Terra Nova II Cintia Aparecida Marcom 2885 255,6131
Fazenda Terra Nova IV Marcelo Ricardo Marcon 2886 255,6834
Fazenda Terra Nova III Devanira Ronato Marcon 2887 255,6872

Área Total:

1.022,745

Delmir

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Fronteira Delmir Araújo Moreira 795 79
Área Total: 79

Radar

Imóvel

Proprietário

Matricula

Área

Fazenda Mariana III Radar Propriedades Agric. S/A 842 3564,38
 Fazenda Mariana II Radar Prop. Agricolas S/A 2626 3591,07
Projeto Águas Claras Lote 04.06 Pensilvana Brasil Farms 1758 1000

Área Total:

8.155,45

Gaio

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda São José III Rui Luiz Gaio 1004 2002,5

Área Total:

2.002,5

Nikkey

Imóvel Proprietário Matrícula Área
Fazenda São João Construtora Imob. Nikkey Ltda 1288 336,89

Área Total:

336,89

Pavei

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeito Águas Claras Lote 05.03 Pavei  Construtora Ltda 1726 706,3613
Pac Lote 07.06 Pavei  Construtora Ltda 2458 333,34
Pac Lote 07.06-A Pavei  Construtora Ltda 2459 333,34
Pac Lote 07.06-B Antonio Deoclesio Pavei 2460 333,34
Pac Lote 07.07 Antonio Deoclesio Pavei 2461 431,72
Lote 14 Q 1 – Portal Do Jalapão Antonio Deoclesio Pavei 2964 10,5
Lote 14 Q 1 – I- Portal Do Jalapão Antonio Deoclesio Pavei 2965 10,5
Lote 14 Q 1 – I- Portal Do Jalapão Antonio Deoclesio Pavei 2965 10,5
Lote 14 Q 1 – I- Portal Do Jalapão Antonio Deoclesio Pavei 2967 10,5
Fazenda Criciuma Pavei Adm De Bens 3506 241,2176
Pac Lote 03.04 Antonio Deoclesio Pavei 2352 120
Fazenda Maracá Claudete Da Rocha Pavei 2355 693,8887
Fazenda Criciuma II Ontonio Deoclesio Pavei 2448 195,3636

Área Total:

3.430,571

Cleiton Vergutz

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 05.01 Cleiton Vergutz 1738 1000

Área Total:

1.000

Canaã

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Canaã Agropecuaria Epp Ltda 2107 687
Fazenda Canaã Agropecuaria Epp Ltda 2108 787

Área Total:

1.474

Mauricio Rigo

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 01.04 Mauricio David Rigo 1777 400
Pac Lote 01.06-B Mauricio David Rigo 2704 112,0436
Projeto Águas Claras Lote 01.09 Mauricio David Rigo 2743 155,6954
Fazenda Reserva Lote 01.05 Mauricio David Rigo 2927 100
Projeto Águas Claras Lote 01.05 Mauricio David Rigo 2162 400
Projeto Águas Claras Lote 01.02 Vilson Ângelo Folador 1724 800
Pac Lote 01.07 Armelindo Angelo Folador 2300 51,7438
Fazenda Estrela Ii Armelindo Angelo Folador 2705 151,1066
Fazenda Estrela Iii Armelindo Angelo Folador 2707 149,5172
Fazenda Estrela Iv Armelindo Angelo Folador 2744 155,1984
Fazenda Reserva Armelindo Angelo Folador 2926 132,3149
Fazenda Reserva Lote 01.02 Vilson Ângelo Folador 2928 200
Pac Lote 01.06-A Armelindo Angelo Folador 2703 121,8183
Projeto Águas Claras Lote 01.01 Luiz Augusto Albertoni 1791 800
Pac Lote 01.06 – D Luiz Augusto Albertoni 2299 149,7468
Pac Lote 01.07- A Luiz Augusto Albertoni 2301 124,8226
Pac Lote 01.07-B Luiz Augusto Albertoni 2301 124,8226
Pac Lote 01.08 Luiz Augusto Albertoni 2706 113,2895
Projeto Águas Claras Lote 01.11 Luiz Augusto Albertoni 2708 194,8325
Projeto Águas Claras Lote 01.12 Luiz Augusto Albertoni 2709 209,874
Projeto Águas Claras Lote 01.10 Luiz Augusto Albertoni 2745 161,8518
Projeto Águas Claras Lote 01.15 Luiz Augusto Albertoni 2746 106,5106
Fazenda Reserva Luiz Augusto Albertoni 2929 364,5866
Fazenda Reserva Luiz Augusto Albertoni 2930 332,1093
Pac Lote 01.06-A Luiz Augusto Albertoni 2702 110,7596

Área Total:

5.722,644

Adroaldo Dartora

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 01.03 Adroaldo Dartora 1790 1000
Área Total: 1.000

Golin

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 03.08 José Golin 1867 150
Pac Lote 03.10 José Golin 2378 200

Área Total:

350

Dario

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 03.08 Gilmar Luiz Dario 1871 80
Pac Lote 03.04-3 Gilmar Luiz Dario 2214 100

Área Total:

180

Gadotti

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 03.13 – A Roberto Marcelo Gadotti 1872 80
Pac Lote 05.04-A Roberto Marcelo Gadotti 2225 200
Pac Lote 05.04 Roberto Marcelo Gadotti 2226 799,9984
Pac Lote 05.05 Roberto Marcelo Gadotti 2227 641,4
Pac Lote 03.15 Roberto Marcelo Gadotti 2228 425,47
Pac Lote 03.13 Roberto Marcelo Gadotti 2229 320

Área Total:

2.466,868

Ferrão

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Aguas Claras Lote 03.03 – A Vilmar Ferrão 1873 200
Pac Lote 03.09 Vilmar Ferrão 2392 100
Pac Lote 03.03 – B Vilmar Ferrão 2248 200
Pac Lote 03.03 D Claudio Ferrão 2508 250
Pac Lote 03.03-C Livino José Ferrão 2249 301,5312

Área Total:

1.051,531

United

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 04.03 Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 1875 333,36
Projeto Águas Claras Lote 04.02-A Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 1876 250
Pac Lote 04.04 Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 2332 333,32
Pac Lote 04.04-A Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 2333 333,32
Pac Lote 04.04-B Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 2334 333,32
Pac Lote 04.05 Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 2341 319,14
Pac Lote 04.03 Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 2418 333,32
Pac Lote 04.02-A Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 3537 250
Fazenda United Faz United Plant. Com. De Prod. Agric. Ltda 3538 333,32
Pac Lote 03.07 / Fazenda United Tiago Mikael/Faz United 2345 150
Pac Lote 03.07-B / Fazenda United Fazenda United Ltda 2346 100
Fazenda United Xi Fazenda United Ltda 2346 250
Fazenda United Xiii Fazenda United Ltda 2285 300

Área Total:

3.619,1

Mizote
Imovel Proprietario Matricula Área
Fazenda Terra Roxa Paulo M. Mizote 1878 400
Fazenda Sassapão I Paulo M. Mizote 2971 3200
Fazenda Sassapão II Paulo M. Mizote 2972 1497,48
Fazenda Sassapão IV Paulo M. Mizote 2990 1279,6
Fazenda Sassapão III Eunice M. Mizote 2991 1788,83
Fazenda Reserva Lote 04.01 Paulo M. Mizote 3019 100
Pac Lote 04.01-A Paulo M. Mizote 2329 250
Fazenda Terra Roxa Paulo M. Mizote 2330 250
Pac Lote 09.13-B Eunice M. Mizote 2449 413,78
Pac Lote 08.04 Eunice M. Mizote 2342 375

Área Total:

9.554,69

Reginatto

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 03.06-A Sibio Rafael Reginatto 1878 125
Peojeto Águas Claras Lote 02.04-B Carlo Roque Reginatto 2182 250
Pac Lote 02.04-A Paulo Cesar Reginatto 2184 250
Pac Lote 02.04-A Paulo Cesar Reginatto 2184 250
Pac Lote 03.06-B Paulo Cesar Reginatto 2348 287,5
Pac Lote 03.06 Carlo Roque Reginatto 2349 287,5
Pac Lote 02.04-E Carlo Roque Reginatto 2370 83,33
Pac Lote 02.04-F Marco Antonio Reginatto 2371 83,33
Pac Lote 02.0-D Paulo Cesar Reginatto 2372 83,33
Pac Lote 02.05 Marlise Tem Reginatto 2447 400

Área Total:

2.099,99

Silvestre

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote 04.09-A Silvestre Webber 1892 596,14
Pac Lote 04.09 Elcio Adir Meier 2362 300

Área Total:

896,14

Bunge Alimentos

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Divisa Lote 01 Bunge Alimentos S/A 2052 20
Área Total: 20

Nogueira

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda São José I Joaquim Tiago Nogueira 2059 3137

Área Total:

3.137

Cassol

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Aguas Claras Lote 08.01 Nilvo Luis Cassol 2070 600,2269
Pac Lote 08.01 Nilvo Luis Cassol 2919 150

Área Total:

750,2269

Bonfantti

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Projeto Águas Claras Lote Bertila Cachelero Bonfantti 2086 250
Fazena Vitoria Ii – Lote 02.01 – C Gerson José Bonfantti 2181 250

Área Total:

500

Kliewer

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Heidrun Friedrich Norbert Kliewer 2105 400
Fazenda Ulrique Friedrich Norbert Kliewer 2106 427,63
Fazenda Cristalina Armin Fliewer 2109 505
Fazenda Mariane Friedrich Norbert Kliewer 2188 517,29
Fazenda Fritz Friedrich Norbert Kliewer 2456 880

Área Total:

2.729,92

Rampazzo

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Nossa Senhora De Fatima Lote 02.02-A João Carlos Rampazzo 2131 199,5745
Fazenda Nossa Senhora De Fatima Lote 02.02-B João Carlos Rampazzo 2132 198,7235
Fazenda Nossa Senhora De Fatima Lote 02.02-C João Carlos Rampazzo 2133 197,8724
Fazenda Nossa Senhora De Fatima Ii Lote 02.02-B João Carlos Rampazzo 2134 203,8237
Pac Lote 03.01 – A Sebastião Lazaro Rampazzo 2281 87,5727
Pac Lote 03.01 – B-Ii Rangel Augusto Rampazzo 2282 75,0146
Fazenda Santa Maria Vii Leticia Rampazzo De Castro 2283 133,35
Fazenda Santa Maria Vi Leticia Rampazzo De Castro 2713 33,3
Fazenda Santa Maria V Rodrigo Rampazzo 2714 166,65
Fazenda Santa Maria Viii Carina Da Casta Silva Rampazzo 2715 166,65
Fazenda Sossa Senhora De Fatima V Ricardo Adriano Rampazzo 2840 100,0466
Faazenda Santa Maria Ii – A Rangel Augusto Rampazzo 2898 49,7394
Faazenda Santa Maria Ii – C Rangel Augusto Rampazzo 2899 49,7394
Faazenda Santa Maria Ii – D Sebastião Lazaro Rampazzo 2900 50,0166
Faazenda Santa Maria Ii – B Sebastião Lazaro Rampazzo 2901 49,7394
Pac Lote 03.01 – A – Ii Rangel Augusto Rampazzo 2911 87,5627
Pac Lote 03.01 – A – Iii Sebastião Lazaro Rampazzo 2912 87,5727
Pac Lote 03.01 – A – Iv Rangel Augusto Rampazzo 2913 87,5427
Pac Lote 03.01-B-1 Sebastião Lazaro Rampazzo 2914 75,0296
Pac Lote 02.02-B João Carlos Rampazzo 3089 49,6809
Pac Lote 02.02-A João Carlos Rampazzo 3090 49,8936
Fazenda Reserva Lote 02.02-C E D João Carlos Rampazzo 3432 100,424
Fazenda Reserva Nossa Senhora De Fatima V Ricardo Adriano Rampazzo 3508 24,9534

Área Total:

2.324,472

Janzen
Imovel Proprietario Matricula Área
Fazenda São José II Telmo Reberto Janzen 2153 400
Fazenda São José III Clovis Rafael Janzen 2154 400
Fazenda São José V Siegfrid Janzen 2155 1175
Fazenda São José IV Siegfrid Janzen 2156 345,02
Fazenda  Janzen Siegfrid Janzen 2157 425
Área Total: 2.745,02

Iwasse

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Iwasse I – E Leo Chiuji Iwasse 2160 150
Fazenda Iwasse II – E Leo Chiuji Iwasse 2161 150

Área Total:

300

José Luiz

Imóvel Proprietário Matrícula Área
Fazenda Esperaça José Luiz De Carvalho Filho 2173 200
Área Total: 200

Lauck

Imóvel Proprietário Matrícula Área
Fazenda Carla Fabio Roberto Lauck 2190 450
Fazenda Caroline Fabio Roberto Lauck 2195 450
Fazenda Rosimeire Fabio Roberto Lauck 2250 428
Fazenda Ingrid Fabio Roberto Lauck 2251 450

Área Total:

1.778

Geomar Delfino

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Terra Nova Geomar Delfino De Melo 2191 1091

Área Total:

1.091

Elmar Stain

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Pac Lote 03.11-A Elmar Stain 2244 200

Área Total:

200

Nova Aliança

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Nova Aliança Eliane Maria Passos Pedrosa E Outros 2256 6081,17
Fazenda Nova Aliança I André Gustavo P. De Carvalho 2410 1000

Área Total:

7.081,17

Transconceição Ltda
Imovel Proprietario Matricula Área
Pac Lote 02.03 Transconceição Ltda 2272 100
Pac Lote 01.10 Transconceição Ltda 2350 250
Pac Lote 01.11 Transconceição Ltda 2351 250
Área Total: 600
Shartner
Imovel Proprietario Matricula Área
Fazenda Shartner Elfriede Giesbrecht Shartner 2279 81
Área Total: 81
Moreli
Imovel Proprietario Matricula Área
Pac Lote 03.10 – A Sergio Luiz Moreli 2288 200
Pac Lote 03.12 Sergio Luiz Moreli 2290 240
Pac Lote 03.14 Sergio Luiz Moreli 2303 270
Pac Lote 03.16 Sergio Luiz Moreli 2304 270
Pac Lote 03.16-A Sergio Luiz Moreli 2305 271,34
Pac Lote 03.10-B Sergio Luiz Moreli 2344 40
Pac Lote 03.12-A Sergio Luiz Moreli 2339 160
Fazenda Reserva Sergio Luiz Moreli 3528 590,3496
Fazenda Reserva Sergio Luiz Moreli 3529 389,1975
Área Total: 2430,887
Soethe Feldhaus Agr. Cons. Plan. Ltda
Imovel Proprietario Matricula Área
Pac Lote 03.11 Soethe Feldhaus Agr. Cons. Plan. Ltda 2289 100
Área Total: 100
Fabiola Massachin
Imovel Proprietario Matricula Área
Pac Lote 07.04 Fabiola Massachin 2323 266,66
Pac Lote 07.04-A Fabiola Massachin 2324 266,66
Pac Lote 07.04-B Fabiola Massachin 2325 266,66
Pac Lote 07.05 Fabiola Massachin 2326 266,66
Pac Lote 07.05-A Fabiola Massachin 2327 266,66
Pac Lote 07.05-B Fabiola Massachin 2328 266,66
Fazenda Reserva Fabiola Massachin 3434 399,96
Área Total: 1999,92

Shanks Farms Ltda

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Pac Lote 04.02 Shanks Farms Ltda 2331 250
Pac Lote 04.07 Shanks Farms Ltda 2335 250
Pac Lote 04.07-Aa Shanks Farms Ltda 2336 250
Pac Lote 04.02-Aa Shanks Farms Ltda 2340 250
Pac Lote 04.08 Shanks Farms Ltda 2429 750
Área Total: 1750

Notare

Imóvel

Proprietário

Matricula

Área

Pac Lote 04.07-A Alaor Annoni Notare 2386 500

Área Total:

500

Genoir Franceshi

Imóvel

Propríetario

Matrícula

Área

Fazeenda Jatoba Lote 08.01-A Genoir Fraceshi 2400 500

Área Total:

500

Marcio da Cunha

Imovel

Propríetario

Matrícula

Área

Fazenda São José Ii Marcio Da Cunha; Francisco Missio; Roberto Fedrizzi E Isabel Da Cunha 2591 603,2328
Área Total: 603,2328
Bom Jesus
Imovel Proprietario Matricula Área
Fazenda Bom Jesus Bom Jesus Agrop. Ltda 2678 9892
Fazenda Havana Bom Jesus Agrop. Ltda 2678 2927

Área Total:

12819

Cargil

Imovel

Proprietário

Matrícula

Área

Unidade Coaceral Cargil Agricula S/A 2798 12,01
Área Total: 12,01
Schneller
Imovel Proprietario Matricula Área
Fazenda Schneller Fazenda Schneller Ltda 2812 1437,48

Área Total:

1437,48

José Cicero Lima

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Lote 18, Q 45 – Portal Do Jalapão José Cicero Lima Da Silva 2979 205,3994

Área Total:

205,3994

Tellus Bahia

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Pac Lote 05.05-A Tellus Bahia Prop. Agric. Ltda 2979 205,3994
Pac Lote 05.05-B Tellus Bahia Prop. Agric. Ltda 2980 200,6573
Pac Lote 05.03-A Tellus Bahia Prop. Agric. Ltda 2981 1192,24
Faz. Reserva Lote 05.02-A Tellus Bahia Prop. Agric. Ltda 3020 242,872
Pac Lote 05.02-A Tellus Bahia Prop. Agric. Ltda 3024 490,5776
Pac Lote 05.02-A Tellus Bahia Prop. Agric. Ltda 3025 485,2829

Área Total:

2.817,029

Lavinsky

Imóvel

Proprietário

Matrícula

Área

Fazenda Reserva Lote 04.09-B Alisson Weber 3512 60
Fazenda Reserva Jacó Lavinsky 3513 570,58
Fazenda Reserva Luiz Lavinsky 3514 584,58
Pac Lote 07.01 E 07.12 Jacó Lavinsky 3515 1597,98
Pac Lote 07.03 Jacó Lavinsky 3516 658,0019
Pac  Lote 08.05 E 08.06 Luiz Lavinsky 3517 1600,05
Oac Lote 08.07 Luiz Lavinsky 3518 738,0726

Área Total:

5.809,265

Imagem de documento da matéria

Os deputados federais Osmar Serraglio e Valtenir Pereira atuaram denunciado conflito fundiário em Formosa do Rio Preto, motivados pelos interesses da Bom Jesus Agropecuária, cujos representantes foram presos durante a 5ª fase da Operação Faroeste.
Os deputados federais Osmar Serraglio e Valtenir Pereira atuaram denunciado conflito fundiário em Formosa do Rio Preto, motivados pelos interesses da Bom Jesus Agropecuária, cujos representantes foram presos durante a 5ª fase da Operação Faroeste.

Leia +

Capítulo XVIII do Caso Faroeste: Quem é Adailton Maturino dos Santos, o suposto pagador de propina à magistrados corruptos da Bahia; Como ele estabelece uma relação contratual com José Valter Dias

Capítulo XX do Caso Faroeste: Portaria da desembargadora Vilma Costa Veiga reconheceu Direito de Propriedade de José Valter; Vitória não garantiu posse sobre as terras da antiga Fazenda São José e empresário foi vítima de nova violência

Sobre Carlos Augusto 9462 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).