Vereador propõe Superintendência de Mobilidade Urbana para garantir acessibilidade às pessoas com deficiência em Feira de Santana

Roberto Tourinho: já existe há bastante tempo ações na Prefeitura voltada para este público e agora, uma Secretaria será implantada para melhor organizar, integrar e promover ainda mais avanços.
Roberto Tourinho: já existe há bastante tempo ações na Prefeitura voltada para este público e agora, uma Secretaria será implantada para melhor organizar, integrar e promover ainda mais avanços.

Uma superintendência destinada a planejar políticas públicas de mobilidade urbana e executar ações para garantir a acessibilidade das pessoas com deficiência aos mais diversos locais, em Feira de Santana, está sendo proposta pelo vereador Roberto Tourinho (PSB) ao Governo Municipal.  Em discurso nesta segunda-feira (07/12/2020), na Câmara, ele defendeu que um órgão nessa área promoveria medidas de ampliação da acessibilidade e inclusão social entre os feirenses. “O Município necessita de ações concretas e integradas que promovam a inclusão, tanto para mulheres, quanto para a comunidade LGBTQ+ e para os cidadãos com deficiência”, argumenta.

Políticas públicas para mulheres

Tourinho aproveitou para afirmar que a criação da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, inicialmente um projeto desenvolvido em seu plano de governo, foi “incorporado” à plataforma do candidato reeleito, o prefeito Colbert Martins Filho (MDB), após uma suposta pesquisa que apontaria a rejeição dele no eleitorado feminino. Entretanto, ainda que considere o ato como “oportunismo político”, o vereador garantiu que votará favorável ao projeto do Executivo em tramitação na Casa propondo a criação da pasta.

Cadmiel contesta

Ao discordar de Tourinho, o vereador Cadmiel Pereira (DEM) disse que não existe “oportunismo” por parte do prefeito, ao também propor a criação da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres. Ele mencionou algumas iniciativas realizadas nas gestões do ex-prefeito José Ronaldo e do atual, Colbert Martins Filho, voltadas ao segmento feminino, como a criação do Centro de Referência Maria Quitéria (CRMQ), do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher, as obras de ampliação do Hospital da Mulher e a Casa Abrigo para Mulheres Vítimas de Violência Doméstica. “Já existe há bastante tempo ações na Prefeitura voltada para este público e agora, uma Secretaria será implantada para melhor organizar, integrar e promover ainda mais avanços”, disse ele.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112869 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]