Salvador ganha plano de marketing e selo de segurança para turismo

Prefeito ACM Neto recebe plano de marketing e selo de segurança para turismo.
Prefeito ACM Neto recebe plano de marketing e selo de segurança para turismo.

Para posicionar a capital baiana como um dos principais destinos do Brasil e do mundo utilizando tendências atuais como turismo inteligente e marketing digital, a Prefeitura desenvolveu o Plano Estratégico de Marketing Turístico de Salvador. Os detalhes da iniciativa, além da concessão do Selo Verificado e Safe Travel para estabelecimentos ligados ao setor turístico, foram apresentados nesta quinta-feira (17/12/2020) pelo prefeito ACM Neto e pelo secretário de Cultura e Turismo (Secult), Pablo Barrozo, no Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande.

O prefeito lembrou que, através do contrato de financiamento com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), através do Programa Regional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), foi possibilitada, dentre outras ações, a elaboração deste plano. “O documento mostra as forças, problemas e potenciais da cidade. Com um diagnóstico preciso, pode-se definir claramente quais as linhas de atuação e o que pode ser feito para superar as dificuldades e colocar Salvador como um destino mais competitivo no Brasil e no mundo”, disse ACM Neto.

Para o titular da Secult, o Plano Estratégico de Marketing Turístico vem consolidar o trabalho de investimento no setor realizado pela Prefeitura, nos últimos oito anos, trazendo tendências mundiais mais relevantes para colocar Salvador em uma melhor posição dentre outros grandes destinos. “Este é um momento de readequação. Em abril deste ano, entendemos que o setor seria combalido por conta da pandemia e precisava arregaçar as mangas e fazer um plano arrojado, inovador e que coloque a cidade no primeiro lugar”, declarou Pablo Barrozo.

Estratégia

O plano possui três eixos estratégicos: Marketing Turístico Responsável, Destino Turístico Inteligente e Recomendações para o novo normal, provocado pela pandemia da Covid-19.  O primeiro engloba doze atividades, dentre ações de marketing de guerrilha para promoção do destino; campanha Nova Salvador de apresentação da cidade para operadores turísticos, turistas e público em geral; criação de assistente de voz virtual multi-idiomas; produção de conteúdos com realidade virtual; e organização de comitê digital com influenciadores locais.

Já o eixo Destino Turístico Inteligente pretende promover diferenciação e destaque para o destino; Salvador e trade turístico mais preparados para o futuro; upgrade no sistema de inteligência do poder público; e melhoria na satisfação da experiência turística. As atividades envolvem Plataforma de Inteligência Turística integrada ao Observatório de Turismo; marketplace no site do Visit Salvador; equipamentos turísticos inteligentes; e o programa-piloto Praias Inteligentes, com soluções tecnológicas que incrementem a experiência turística através de produtos e serviços ancorados na sustentabilidade, acessibilidade e segurança.

Por fim, no eixo Recomendações para o novo normal, as atividades são a elaboração de sistema de mensuração de resultados das ações promocionais; estudo de remodelagem dos equipamentos nas praias; estímulo às empresas de receptivo a desenvolverem produtos voltados para o turismo de experiências; estímulo às instituições credenciadas para ministrar cursos de guias de turismo. Além disso, traz estabelecimento de parcerias com atores relevantes; fomento de roteiros de estudos do meio; e, em sistema de rodízio, propiciar a interdição temporária de vias públicas para atividades recreativas comunitárias.

Com meta anual, a intenção é de que, em 2024, a capital baiana possa ampliar em 20% o número de empregos no setor turístico e em 10% o número de afrodescendentes em cargos gerenciais nas empresas do setor turístico, além de se tornar referência nacional e internacional como Cidade e Destino Turístico Inteligentes. De acordo com Pablo Barrozo, a Prefeitura deverá investir R$10 milhões para iniciar os três eixos.

Segurança

Criados pela Prefeitura no primeiro semestre deste ano, o Selo Verificado (local) e o Safe Travel (internacional) reconhecem os estabelecimentos que seguem as recomendações sanitárias desde o início da pandemia, proporcionando um ambiente sanitário seguro para funcionários e clientes. Os dez primeiros estabelecimentos a receberem o selo foram a Barraca do Lôro, Catussaba Hotel, Grande Hotel da Barra, Grand Hotel Stella Maris, Hotel Deville, Hotel Bahia do Sol, Restaurante Amado, Restaurante Casa de Tereza, Mar Azul Hotel e Wish Hotel da Bahia.

“Salvador precisava se diferenciar como destino seguro e ficou com essa marca, através das medidas que foram adotadas aqui e que, inclusive, as pesquisas mostram hoje a cidade como uma das mais seguras para o turismo. Então, o turista que vem para cá sabe que vai encontrar restaurantes cumprindo protocolos, hotéis adotando práticas mais rígidas em relação aos cuidados sanitários, prestadores de serviços conscientes. Então esta foi uma aposta feita de criação de um selo que confirme o esforço do estabelecimento para garantir essa segurança”, destacou o prefeito.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114924 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.