Eleições 2020: Prefeito de Feira de Santana está com medo de ser investigado, diz Zé Neto sobre declaração de Colbert Martins

Deputado federal José Cerqueira Neto (Zé Neto, PT) denunciou uso ilegal da máquina pública pelo prefeito Colbert Martins (MDB) para se eleger nestas eleições 2020 em Feira de Santana.
Deputado federal José Cerqueira Neto (Zé Neto, PT) denunciou uso ilegal da máquina pública pelo prefeito Colbert Martins (MDB) para se eleger nestas eleições 2020 em Feira de Santana.

O deputado federal José Cerqueira Neto (Zé Neto, PT) criticou nesta quinta-feira (10/12/2020), as declarações do prefeito Colbert Martins (MDB) ao programa ‘Isso é Bahia’, da rádio A TARDE FM, onde afirmou que o deputado “age como derrotado” após denunciar uso ilegal da máquina pública pelo prefeito para se eleger nestas eleições em Feira.

“Não é questão de ser derrotado ou não. Até porque tivemos uma vitória política na cidade, com crescimento de 15% para 45% em número de votos. Ou seja, saímos de 46 mil para mais de 138 mil votos, mesmo não tendo ganhado essa eleição. É nossa obrigação e da Justiça investigar se os votos que chegaram às urnas foram limpos ou tiveram ‘vícios’ oriundos do uso ilegal da máquina pública, já que temos o dever de fiscalizar de forma adequada a aplicação de recursos públicos, especialmente nas eleições”, rebateu o deputado.

Zé Neto ainda lamentou as fake news criadas pelo grupo político do prefeito durante a campanha, para denegrir sua imagem de parlamentar ficha limpa. “Mesmo conhecendo minha história de vida e da minha família, ele[Colbert] foi conivente com a exibição no programa eleitoral de uma fake onde dizia que no meu gabinete tinha ‘rachadinha’, quando, na verdade, foi uma armação deles mesmos, cujo processo foi arquivado em 2013. Sem falar no episódio que inventaram que eu teria abandonado meu pai, mesmo Colbert sabendo que a situação era inversa já que meu pai saiu de casa quando eu tinha 9 anos e, aos 40 anos, eu o procurei para cuidar dele e dar a devida assistência como faço até hoje”, lembra.

Por fim, Zé Neto defendeu que “o Judiciário não pode deixar passar em branco irregularidades vistas nestas eleições em Feira, como a distribuição de mais de 26 mil cestas básicas sem critério específico; recursos para combate ao coronavírus sem prestação de contas utilizados em outros fins; bem como a contratação por cooperativas e terceirizados acima do limite, para trabalhar em secretarias e órgãos do município sem cumprir carga horária”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108873 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]