Câmara Municipal de São Gonçalo dos Campos inova na ilegalidade ao publicar disputa de duas chapas para Mesa Diretora compostas por vereadores eleitos e não diplomados e empossados

Diário Oficial de São Gonçalo dos Campos apresenta composição de duas chapas que concorrerem à mesa diretora do Poder Legislativo, composta por vereadores eleitos em 2020, que não foram diplomados e empossados.
Diário Oficial de São Gonçalo dos Campos apresenta composição de duas chapas que concorrerem à mesa diretora do Poder Legislativo, composta por vereadores eleitos em 2020, que não foram diplomados e empossados.

Fonte do Jornal Grande Bahia (JGB) enviou neste sábado (12/12/2020) denúncia e documento sobre possível ato ilegal praticado pela mesa diretora da Câmara Municipal de São Gonçalo dos Campos (CMFS) ao publicar no Diário Oficial de quinta-feira (10) a composição das duas chapas que vão concorrer à direção do Poder Legislativo Municipal para o biênio 2021-2020. Ocorre que os vereadores eleitos em 2020 não foram diplomados e empossados e estes dois atos precedem esse tipo de publicação.

Sobre Carlos Augusto 9515 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).