Carlos Portinho assume mandato de senador, em decorrência da morte de Arolde de Oliveira

Toma posse o senador Carlos Portinho (sem partido) em virtude do falecimento do senador titular, Arolde de Oliveira, em 21 de outubro de 2020.
Toma posse o senador Carlos Portinho (sem partido) em virtude do falecimento do senador titular, Arolde de Oliveira, em 21 de outubro de 2020.

Carlos Portinho (PSD-RJ) assumiu hoje (03/11/2020) uma vaga no Senado, em substituição a Arolde de Oliveira. Portinho era seu suplente de Arolde, falecido há duas semanas em decorrência de complicações do covid-19. Em seu discurso de posse, ele exaltou a trajetória política de Arolde e prestou seu respeito ao colega de chapa.

“Assumo hoje, com profundo pesar”, disse o senador. “O senador Arolde de Oliveira empresta a sua história e eu a recebo com eterna gratidão. Ascendi rápido, pela minha formação profissional, pelo meu engajamento político e experiência como secretário de Estado e do município do Rio de Janeiro. Predicados destacados pelo senador Arolde, que me conduziram a essa chapa vencedora. Pretendo concluir o seu mandato com toda honra e respeito”, disse Portinho, com voz embargada ao final do discurso.

Suplente na chapa de Arolde de Oliveira em sua eleição ao Senado, Portinho foi secretário de Meio Ambiente do Estado do Rio de Janeiro e secretário municipal de Habitação do Rio. Advogado, ele é especializado em direito esportivo, tendo trabalhado para clubes como Flamengo, Fluminense, Cruzeiro e São Paulo.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, deu boas vindas ao colega e também prestou seus respeitos ao senador falecido recentemente. “Tenho certeza que vossa excelência assume o mandato com esse espírito, de resgatar a memória, as lutas e o mandato do senador Arolde. Deus lhe abençoe nessa missão. Sinta-se abraçado por todos nós”.

Sobre Carlos Augusto 9462 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).