Começa 75ª Sessão da Assembleia Geral em “ano crítico” para luta contra Covid-19

Volkan Bozkir, presidente eleito da 75ª Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas revelou cinco prioridades para novo em cerimônia oficial nesta terça-feira (15).
Volkan Bozkir, presidente eleito da 75ª Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas revelou cinco prioridades para novo em cerimônia oficial nesta terça-feira (15).

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, advertiu os países para um “ano crítico na vida da organização” que continuará a resposta ao impacto imediato da pandemia da Covid-19.

Ele fez a declaração na sessão de abertura da 75ª Assembleia Geral dizendo que é preciso reforçar os sistemas de saúde, apoiar o desenvolvimento e a distribuição equitativa de tratamentos e vacinas.

Responsabilidade

António Guterres parabenizou o embaixador turco Volkan Bozkir, que assumiu o cargo de presidente da Assembleia Geral. O novo líder diz que o momento de crise revela a responsabilidade de fortalecer a fé das pessoas na cooperação multilateral e nas instituições internacionais, tendo a ONU como centro.

Este ano, a pandemia de Covid-19 obrigou a organização a realizar o debate geral de forma virtual com chefes de Estado e de Governo a partir de 22 de setembro.

Para Bozkir é preciso ter um diálogo franco, transparente e orientado para resultados “sobre o que deu errado nos esforços para conter o vírus” e “o que deve ser feito para evitar uma situação similar” no futuro.

De acordo com o presidente, os países precisam se questionar e responder acerca da possível distribuição de uma vacina de forma justa e equitativa. Para ele, “essa não é apenas uma questão de saúde e economia, mas de ética da mais profunda forma”.

O presidente da Assembleia Geral enumerou cinco prioridades para seu mandato que farão dos 75 anos das Nações Unidas um momento de revitalizar o espírito de cooperação, pedra fundamental da organização.

Mandato

Em segundo lugar, ele apontou que o órgão deve “refletir sobre seu próprio trabalho e abraçar as reformas a fim de ser eficaz e relevante”. Como terceiro ponto, ele mencionou ações para melhorar o cumprimento do mandato da ONU ouvindo as pessoas que são servidas pela organização.

Em relação à quarta prioridade, ele disse que ao iniciar a Década de Ação para implementar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável deve ser incentivado o uso de tecnologias emergentes, com o reforço de dados e ações orientadas a obter resultados “para garantir que ninguém seja deixado para trás”.

Bozkir destacou ações para promover o empoderamento das mulheres, nas quais “defenderá a igualdade de gênero em toda a agenda da sessão” como sua quinta prioridade.

O antecessor dele, Tijjani Muhammad-Bande, disse ter havido avanços em questões sobre paz e segurança, direitos humanos e desenvolvimento, os três pilares das Nações Unidas.

Para o ex-presidente da Assembleia Geral, a organização deve continuar a enviar uma mensagem clara de que o órgão “estará sempre do lado daqueles que sofreram os efeitos da Covid-19”, e os que perderam seus entes queridos devido ao vírus.

Confira vídeo

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108688 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]