Capacita Salvador vai qualificar cerca de oito mil trabalhadores do turismo

Os processos de formação abrangem um grupo de habilidades e conhecimentos transversais a todas as ocupações do setor de turismo.Os processos de formação abrangem um grupo de habilidades e conhecimentos transversais a todas as ocupações do setor de turismo.

Com o objetivo de ajudar a estimular o turismo na capital baiana com a retomada da normalidade, a Prefeitura, através da Secretaria de Cultura e Turismo (SECULT), ofertará o programa Capacita Salvador, que beneficiará 7.700 trabalhadores, sendo 2.200 informais e 5.500 vinculados às empresas dos segmentos de meios de hospedagem, agências de viagens, bares e restaurantes e meios de transporte. As inscrições deverão ser abertas ainda em setembro.

O programa vai oferecer um conjunto de cartilhas, manuais e vídeos, cujo conteúdo estará alinhado com as normas brasileiras (NBR) e se utilizará de linguagem adequada à realidade sócia educacional dos profissionais do setor, contendo também exemplos do dia-a-dia do trabalho.

Inicialmente, pelo menos 120 empresas estarão envolvidas diretamente com o programa. Os processos de formação abrangem um grupo de habilidades e conhecimentos transversais a todas as ocupações do setor de turismo, a exemplo das camareiras, mensageiros, recepcionistas, garçons, agente de viagem, entre outros.

Além disso, as competências “Hospitalidade”, que abordam o tema “receber bem e servir com excelência”, e “Segurança de Alimentos”, que qualificará os profissionais a manipular alimentos de forma segura, evitando assim contaminações, também serão oferecidas aos participantes.

Haverá um conselho gestor composto por algumas entidades do Conselho Municipal de Turismo e todos os materiais e cursos estarão disponíveis de forma gratuita aos empreendimentos e pessoas participantes.

Modelos – A capacitação será dividida em dois modelos: para aqueles que ainda não estão no mercado de trabalho e os que já estão na ativa. No primeiro caso, serão realizadas 110 turmas nos diversos bairros de Salvador, com a previsão de 2.200 participantes. Essas turmas serão realizadas em locais a serem definidos de acordo com as inscrições.

Para os que estão inseridos no mercado, a capacitação ocorrerá no próprio local de trabalho. Para isso, profissionais indicados pelos empreendimentos participantes do programa serão capacitados como Instrutores no Local de Trabalho (ILT) e ficarão responsáveis por conduzir o processo de capacitação, valendo-se do material didático desenvolvido, de manuais orientativos e de assessoria técnica oferecida pelo programa.

Está prevista a formação de 150 ILTs, que, por sua vez serão responsáveis pela capacitação de 5.500 profissionais. Desta forma, a capacitação feita de forma customizada, otimizando o tempo e a disponibilidade dos profissionais e conferindo um processo de educação continuada em cada empreendimento.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]