Vereadores solicitam melhorias para o transporte público de Feira de Santana

Edvaldo Lima: quero fazer um apelo ao prefeito Colbert Martins, que faça uma intervenção imediatamente nas empresas de ônibus, os empresários admitiram que não têm como atender a população.
Edvaldo Lima: quero fazer um apelo ao prefeito Colbert Martins, que faça uma intervenção imediatamente nas empresas de ônibus, os empresários admitiram que não têm como atender a população.

Durante pronunciamento na sessão ordinária desta segunda-feira (03/08/2020), na reabertura dos trabalhos legislativos da Casa da Cidadania, o vereador Edvaldo Lima (MDB) apelou pela intervenção da Prefeitura nas empresas prestadoras do serviço de transporte público coletivo da cidade.

“Quero fazer um apelo ao prefeito Colbert Martins, que faça uma intervenção imediatamente nas empresas de ônibus, os empresários admitiram que não têm como atender a população. Se não tem como atender, então que a Prefeitura de Feira de Santana faça uma intervenção e assuma as empresas de ônibus, que coloque todas as linhas para rodar e os motoristas e cobradores voltem a trabalhar, muitos estão em casa passando dificuldades. Não podemos aceitar o que as empresas de ônibus estão fazendo com o povo de Feira de Santana”, opinou.

Em aparte, o vereador Isaías dos Santos (MDB) recordou que o pagamento do vale-transporte dos servidores públicos municipais é realizado através do cartão Via Feira. “Quase não estão utilizando o serviço em virtude da pandemia e da redução de linhas. Peço que o prefeito disponibilize o pagamento do vale dos servidores públicos e cooperados no contracheque”, sugeriu

José Carneiro tece críticas sobre sistema de transportes nos distritos

O presidente do Legislativo feirense, vereador José Carneiro (MDB), usou a tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana para tecer críticas a respeito de fatos que estão acontecendo no município, especificamente no sistema de transporte implantado nos distritos.

“Do nosso ponto de vista, o sistema de transporte dos distritos está quebrado. Recentemente eu tive que levar uma comissão de transportes indicada para relatar ao Executivo e para externar o grau de insatisfação que passam aqueles cidadãos, proprietários de vans, no distrito de Ipuaçu. Estão afirmando que os senhores de transportes de vans dos distritos pagam ao Via Feira a bagatela de R$290,00, apenas para usar o GPS”, declarou o vereador.

O parlamentar acrescentou: “Fomos ao prefeito Colbert Martins para informar a situação, até porque existem empresas aqui em Feira de Santana que prestam esse mesmo serviço por menos de R$100,00. O valor cobrado atualmente é excessivo para o monitoramento. Esperamos que esse problema seja logo resolvido e que a Prefeitura não permita exclusividade à Via Feira. Espero também que cada cidadão possa escolher a empresa que ele ache que presta o melhor serviço de monitoramento”, concluiu.

O vereador Alberto Nery (PT) pediu um aparte e disse que concorda com a fala do colega edil, de que o valor cobrado atualmente pelo monitoramento é absurdo, e destacou, ainda, que o tema é de grande relevância para ser trazido à Casa da Cidadania.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106708 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]