Vereador diz que falta à Prefeitura de Feira de Santana prevenção e manutenção e questiona qualidade do asfalto usado em recapeamento da Avenida Artêmia Pires

Roberto Tourinho: as chuvas que estão caindo independem de planejamento dos homens, porque é uma determinação divina, e sabemos que todos os anos chove, às vezes, mais, às vezes, menos.
Roberto Tourinho: as chuvas que estão caindo independem de planejamento dos homens, porque é uma determinação divina, e sabemos que todos os anos chove, às vezes, mais, às vezes, menos.

Falta à Prefeitura de Feira de Santana, no entendimento do vereador Roberto Tourinho (PSB), a adoção de ações de prevenção e de manutenção da cidade. Em discurso na sessão da Câmara desta quarta-feira (12/08/2020), ele disse que a ausência de planejamento é a causa dos transtornos enfrentados pela população.

“O absurdo não é quando chove; é quando não chove. As chuvas que estão caindo independem de planejamento dos homens, porque é uma determinação divina, e sabemos que todos os anos chove, às vezes, mais, às vezes, menos. Enquanto isso, a população sofre”, lamentou o vereador, rechaçando a justificativa da administração municipal de que os problemas são decorrentes do temporal.

Segundo Tourinho, a drenagem de águas pluviais, responsabilidade da Prefeitura, não tem sido realizada. “Para que haja essa drenagem é preciso realizar a manutenção das chamadas ‘bocas de lobo’. Se a manutenção e limpeza dessas galerias não são feitas no período de estiagem, ocorre a chuva e as águas invadem as casas das pessoas”.

Ele observa que quem sofre com a falta de manutenção é a população, que reclama. “Aparecem as autoridades com ‘cara de paisagem’, nos bairros, dizendo que nada pode ser feito agora porque a chuva está caindo”.

Tourinho rebateu a defesa da Prefeitura, feita pelo líder do Governo, Marcos Lima (DEM): “tentou aqui, a todo custo, convencer a população de Feira de Santana que o Governo vem trabalhando. Mas o que se vê, na prática, é o oposto: uma cidade sem planejamento e sem manutenção. Estamos falando de uma cidade que tem como orçamento para este ano quase R$ 1 bilhão e meio e que é a 34ª cidade do país em número de habitantes”.

Vereador chama atenção para qualidade do asfalto usado em recapeamento da Artêmia Pires

Preocupado com a qualidade do asfalto utilizado pela Prefeitura no recapeamento da avenida Artêmia Pires, o vereador Roberto Tourinho (PSB) disparou, nesta quarta-feira (12), em discurso na Câmara, contra a obra que está sendo feita naquela via de intenso movimento. “Ao contrário do que algumas pessoas dizem, que aplica-se asfalto sonrisal, usa-se asfalto de R$ 1,99”, criticou.

Ex-secretário de Desenvolvimento Urbano e também da pasta de Meio Ambiente em gestões passadas, o vereador lamenta o estado em que se encontra a Artêmia no momento. “Se alguém for lá recentemente, precisa usar um trator ou uma caminhonete com feixe de mola reforçado porque (Artêmia Pires) está totalmente destruída”.

O oposicionista ao Governo Municipal aponta equívocos que teriam sido cometidos na concepção da avenida. Ele vê dois erros graves: “primeiro que o projeto tinha pista dupla, mas hoje é uma pista só. Olhe a quantidade de condomínios que tem naquela avenida”.

Roberto Tourinho adverte bancada governista para importância de requerimentos

“Quando um vereador, do governo ou da oposição, apresenta um requerimento, ele está cumprindo o que determina a Constituição do país”. A declaração é do vereador Roberto Tourinho (PSB). Em discurso na Câmara Municipal, ele defendeu esta prerrogativa parlamentar e apelou aos colegas da bancada governista que apreciem com isenção de ânimos esse tipo de proposição.

O Legislativo, diz o vereador detentor do maior número de mandatos na atual composição da Casa, deve fiscalizar, acompanhar e denunciar os atos do poder Executivo. Ele manifestou preocupação com a repercussão popular sobre a rejeição de determinados requerimentos pelos colegas do bloco da situação. “Ouçam as vozes roucas que vêm do povo de Feira de Santana, do povo que não está concordando”.

O parlamentar alertou para a existência de “movimentos de insatisfação” com a Câmara e mencionou um blog que critica pronunciamento do líder governista Marcos Lima (DEM). Tourinho ainda leu comentários de cidadãos, em redes sociais, que “condenaram o discurso do líder da bancada governista e teceram críticas aos representantes do Legislativo feirense”, devido a requerimentos não aprovados.

Para o presidente da Câmara, José Carneiro Rocha (MDB) quem escreveu o texto lido por Roberto Tourinho na Tribuna da Casa tem a intenção de denegrir a imagem de todos os vereadores.  “Defendo que se tem alguém que queira criticar, aponte, diga quem é, mas não generalize porque em todas as categorias têm os bons e os ruins. Eu não defendo que generalize e nivele por baixo todos os políticos, pois sei que têm homens e mulheres comprometidos com o país, com o estado e sua cidade”.

O líder da bancada governista na Câmara, vereador Marcos Lima, (DEM), considera improcedente a reclamação do oposicionista quanto a apreciação de requerimentos de sua autoria em plenário.  “Vários requerimentos foram aprovados aqui nesta Casa, inclusive de vossa excelência”, respondeu.  Para o líder da base de governo, Tourinho “só quer criticar a administração”.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112564 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]