Prefeitura de Feira de Santana não deve tirar ambulante da rua, com Shopping Popular fechado, protesta Roberto Tourinho

Roberto Tourinho: se a Prefeitura ainda não aprontou o Shopping, que não está aberto, como vai retirar as barracas  agora?
Roberto Tourinho: se a Prefeitura ainda não aprontou o Shopping, que não está aberto, como vai retirar as barracas  agora?

“Se a Prefeitura ainda não aprontou o Shopping, que não está aberto, como vai retirar as barracas  agora? Os comerciantes vão ficar 20, 30 dias sem trabalhar, quem vai bancar a alimentação das famílias?”. Essas interrogações foram feitas pelo vereador Roberto Tourinho (PSB) em virtude da ação do Governo Municipal, no fim de semana, retirando “de forma violenta” a estrutura de vendedores ambulantes da Praça do Nordestino, no centro da cidade.

Para o vereador, que é advogado, se o equipamento construido pelo Município em uma Parceria Público-Privada ainda se encontra fechado, não faz sentido encerrar as atividades dos vendedores que se encontram “ganhando o pão de cada dia” em outro local. “Quando irá abrir?” questiona. Tourinho voltou a criticar o “contrato draconiano” que, segundo ele, privilegia os empresários em detrimento dos vendedores. O vereador é contra o valor de aluguel e de taxas e de artigos que “tiram o direito de quem atrasar três meses o pagamento e garante aos empresários o ‘controle das portas’ do empreendimento.

Roberto Tourinho diz que todas as barracas instaladas no centro de Feira, nos últimos 20 anos, “contaram com autorização da Prefeitura ou com a conivência do poder público municipal, que fechou os olhos e permitiu”. Hoje, ele diz, a Prefeitura faz parceria com grupo de empresários de Minas Gerais, “coloca alguns milhões em mãos deles, alguns dos quais malandros, criminosos, que respondem a processos na Justiça, para a todo custo tirar ambulantes do Centro Comercial de Feira e coloca-los no Shopping Popular”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115062 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.