No contexto das Eleições 2020, beligerância discursiva se instala na Câmara Municipal de Feira de Santana

A altercação verbal entre os vereadores Roberto Tourinho (PSB), pré-candidato prefeito de Feira de Santana; Marcos Lima (PRP), Luiz Augusto de Jesus (Lulinha, DEM), Ronaldo Caribé (Ron, PTC) e Alberto Nery (PT) — ocorrida na quarta-feira (05/08/2020), durante 51ª Sessão Ordinária referente à 2ª etapa, do 4º período, da 18ª Legislatura da Câmara Municipal de Feira de Santana — foi uma destes momentos que não podem ser esquecidas, pelo teor verbal beligerante dos edis, que se encontram em campos opostos da disputa eleitoral de 2020.

Em outro momento, envolvidos, também, no clima de disputa eleitoral, os vereadores Cadmiel Pereira (PSC) e Alberto Nery trocam impressões sobre o setor da educação superior privada nos municípios de Feira de Santana e Paripiranga.

Nem mesmo o Centro Comercial Popular de Feira de Santana escapou da catarse emocional do edis. Coube ao vereador Luiz Ferreira Dias (Luiz da Feira, PPL) denunciar as falhas construtivas e contratuais do empreendimento.

Em síntese, foi uma sessão imperdível.

Confira vídeo

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).