Com 17,7 mil hectares cultivados, Agrovale é inspiração para Polo Agroindustrial do São Francisco

Liderada pelo vice-governador João Leão, comitiva do Governo da e MDR esteve na usina sucroalcooleira da Agrovale, situada no Polo Agroindustrial do São Francisco.Liderada pelo vice-governador João Leão, comitiva do Governo da e MDR esteve na usina sucroalcooleira da Agrovale, situada no Polo Agroindustrial do São Francisco.

Referência internacional na produtividade de cana-de-açúcar em área irrigada, a Agrovale, em Juazeiro, foi visitada, nesta quinta-feira (06/08/2020), pela comitiva técnica do Governo do Estado da Bahia que está no Vale do São Francisco para potencializar o Polo Agroindustrial e Bioenergético do Médio São Francisco baiano.

Considerada a maior produtora de açúcar, etanol e bioeletricidade da Bahia, com mais de 5 mil funcionários, a empresa vai integrar o projeto da Fazenda Escola Modelo, no município de Barra.

Chefiada pelo vice-governador da Bahia, João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico, a delegação está na região desde a última quarta-feira (05) e é composta pelas secretarias estaduais da Agricultura (Seagri) e do Desenvolvimento Rural (SDR), por membros do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR), Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb), Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e Universidade do Vale do São Francisco (Univasf).

“A Agrovale é um exemplo de sucesso para o desenvolvimento desta região que tem enorme potencial. Com o Polo Agroindustrial pretendemos trazer no mínimo cinco novas usinas e gerar mais de 21 mil empregos no Vale e Médio São Francisco. E a parceria da Agrovale com a Fazenda Escola Modelo, que é o embrião, o ‘apartamento decorado’ deste grande projeto, vai torná-lo ainda mais viável”, destaca Leão.

A Fazenda Escola Modelo vai desenvolver técnicas agrícolas dentro do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Águas, no município de Barra, numa área de 140 hectares. Está prevista a implantação de um complexo de agroindústrias, projetos de irrigação de frutas e grãos, além de pecuária. O objetivo é que a escola seja um referencial na formação agrotécnica e agroindustrial. A Agrovale vai implantar um sistema de irrigação por gotejamento em 10 hectares de cana no projeto.

De acordo com o diretor Financeiro e TI da Agrovale, Guilherme Colaço Filho, que recepcionou a comitiva, o Polo Agroindustrial será um novo vetor de crescimento e promete mudanças significativas em vários segmentos produtivos regionais. “Contribuiremos com o desenvolvimento de técnicas agrícolas e a formação de novos quadros profissionais com a implantação de um sistema de irrigação por gotejamento na Fazenda Escola Modelo”, ressaltou.

Com uma área cultivada de 17.700 mil hectares, a Agrovale produziu na última safra (2019), 2,8 milhões de sacos de açúcar com 50 quilos cada, 67 milhões de litros de etanol e gerou 20.000 MW de energia a partir do bagaço da cana.

Usina sucroalcooleira da Agrovale, situada no Polo Agroindustrial do São Francisco, tem elevada produção.

Usina sucroalcooleira da Agrovale, situada no Polo Agroindustrial do São Francisco, tem elevada produção.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]