CDL Salvador, FCDL Bahia, Fecomércio e Abrasce emitem nota de apoio sobre reabertura do comércio de Salvador

Nota de apoio sobre reabertura do comércio de Salvador.
Nota de apoio sobre reabertura do comércio de Salvador.

As entidades do setor comercial de Salvador emitiram nota nesta sexta-feira (24/07/2020) em apoio as medidas adotadas pelo Governo do Estado e Prefeitura Municipal para retomada das atividades presenciais do setor.

Confira nota

As quatro entidades representativas do comércio baiano, abaixo assinadas, agradecem às ações conjuntas da Prefeitura de Salvador e do Governo do Estado, que permitem a reabertura do comércio da cidade. A pandemia provocada pela disseminação da covid-19 é séria e trouxe graves consequências para todos. Portanto, o esforço irmanado das maiores autoridades locais, em diálogo permanente com a representação empresarial, tem sido louvável e decisivo para a superação da crise.

As atitudes embasadas e com planejamento objetivo, após reuniões periódicas com o segmento de comércio, possibilitam agora uma reabertura consciente, segura, com protocolos claros, que tem como meta salvaguardar vidas, tanto de empresários e trabalhadores, como do público em geral.

Ressaltamos ainda a decisão acertada de se flexibilizar a exigência de testes em massa de funcionários, uma determinação que poderia inviabilizar a própria reabertura pela impossibilidade de se fazer isso do ponto de vista prático e devido ao custo. Atuaremos com rigor e responsabilidade no cumprimento dos protocolos definidos, buscando a preservação de vidas e a recuperação da nossa economia, para o bem de todos.

CDL SALVADOR – Câmara de Dirigentes Lojistas de Salvador

FCDL BA – Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas da Bahia

FECOMÉRCIO BA – Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia

ABRASCE – Associação Brasileira de Shopping Centers

Salvador, 24 de julho de 2020.

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9377 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).