Incêndio atinge parte do Museu de História Natural da UFMG

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Bombeiros fazem trabalho de rescaldo em prédio do Museu de História Natural da UFMG, em Belo Horizonte.
Bombeiros fazem trabalho de rescaldo em prédio do Museu de História Natural da UFMG, em Belo Horizonte. Chamas atingiram área onde está guardada parte não exposta do acervo.

Um incêndio atingiu parte do Museu de História Natural e Jardim Botânico da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) na manhã de hoje (15/06/2020). Segundo a assessoria do museu, o fogo atingiu a chamada Reserva Técnica 1, onde está guardada uma parte do acervo que não está exposta. Dentre as peças não expostas, está uma parte do acervo fóssil, que pode ter sido atingido pelas chamas. Ninguém se feriu.

Ainda não se sabe o que causou o incêndio. De acordo com as últimas informações obtidas, a perícia ainda fazia seu trabalho no prédio. O fogo foi percebido no início da manhã por funcionários e o corpo de Bombeiros chegou pouco depois, combatendo rapidamente o incêndio.

O museu está localizado na capital Belo Horizonte, no bairro Horto. Seu acervo é composto de cerca de 265 mil itens entre peças e espécimes científicos preservados e vivos (coleção científica de plantas e reserva vegetal). O museu tem peças de áreas como arqueologia, paleontologia, geologia, botânica, zoologia, cartografia histórica, etnografia e arte popular, além de documentação bibliográfica e arquivística.

Bombeiros fazem trabalho de rescaldo em prédio do Museu de História Natural da UFMG, em Belo Horizonte.
Bombeiros fazem trabalho de rescaldo em prédio do Museu de História Natural da UFMG, em Belo Horizonte. Chamas atingiram área onde está guardada parte não exposta do acervo.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113655 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]